Início / Agricultura / Montiqueijo distinguido com prémio de sustentabilidade ambiental pela APEE

Montiqueijo distinguido com prémio de sustentabilidade ambiental pela APEE

O Grupo Montiqueijo recebeu o prémio de “Reconhecimentos de Práticas em Responsabilidade Social e Sustentabilidade”, uma iniciativa da Associação Portuguesa de Ética Empresarial (APEE).

O Grupo Montiqueijo “assumiu, desde sempre, um posicionamento que visa a redução de impactes ambientais na sua actividade”, garante a empresa em nota de imprensa.

Recentemente implementou na sua unidade de produção de leite – empresa Agroleite — um sistema de tratamento de efluentes que permite reciclar a água utilizada nas lavagens dos parques animais e que desta forma, reutiliza e reduz não só os recursos hídricos utilizados como também reutiliza o estrume dos animais, que é utilizado como fonte de riqueza orgânica na fertilização dos seus campos de cultivo.

Avança a mesma nota que “é igualmente feito um reaproveitamento do excedente de soro (resultante da unidade de produção de queijos – Montiqueijo) como integrante proteico na ração dos animais. Este modus operandi de encomia circular do Grupo Montiqueijo conduz actualmente a uma reciclagem de 60% dos resíduos produzidos pelas duas empresas do grupo”.

A linha de produção do Grupo Montiqueijo assenta ainda em critérios ligados às boas práticas agrícolas, nascendo o conceito “natural desde a origem”, a naturalidade do produto final – o queijo – começa na implementação de uma agricultura orgânica no cultivo dos cereais que alimentam as vacas e prolonga-se ao longo da cadeia de recolha da matéria prima (o leite) até à fase de fabrico e embalamento dos queijos.

“Este prémio é o reconhecimento do nosso esforço ao longos destes anos. Desde sempre, que procurámos minimizar os impactos da nossa atividade sobre o meio ambiente e por isso, ao longo do tempo vamos encontrando novas formas de melhorar, através da redução dos consumos de recursos hídricos, energéticos, entre outros”, afirma a directora de marketing do Grupo Montiqueijo, Tânia Teixeira.

E acrescenta que “a responsabilidade social e a sustentabilidade são os nossos principais pilares e por isso, vão sendo permanentemente implementadas novas metodologias e traçadas novas metas ou objectivos. O grupo Montiqueijo deve ser promotor de boas práticas sociais e de sustentabilidade em todas as suas áreas de actuação. E, o facto de o grupo ter um circuito fechado de produção – fileira completa – que inclui o cultivo dos cereais, o cuidado e produção animal, a recolha de leite, a pasteurização, a produção de queijo e o embalamento do produto, faz com que exista um esforço para promover a sustentabilidade nas várias áreas da nossa actuação”.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Estação Biológica de Mértola tem vaga para Bolsa de Investigação para Doutoramento

Partilhar              A Câmara Municipal de Mértola informa que a EBM — Associação Estação Biológica de Mértola …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.