Início / Agenda / Tem galinhas poedeiras? Declaração obrigatória de existências tem de ser feita até 28 de Fevereiro

Tem galinhas poedeiras? Declaração obrigatória de existências tem de ser feita até 28 de Fevereiro

A DGAV — Direcção-Geral de Alimentação e Veterinária informa que no mês de Fevereiro decorre mais um período obrigatório de Declarações de Existências de Galinhas Poedeiras, conforme o seu Aviso de 16 de Janeiro de 2023.

“Todos os detentores de galinhas poedeiras ficam obrigados a declarar os efectivos que possuíam à data de 1 de Fevereiro de 2023”,  refere o Aviso, assinado pela Directora-geral da DGAV, Susana Pombo.

Estão isentos da declaração de existências de galinhas poedeiras os estabelecimentos de galinhas poedeiras com menos de 350 aves e os estabelecimentos de criação de galinhas poedeiras reprodutoras.

A declaração de existências poderá ser efectuada directamente pelo produtor online, aqui, ou em alternativa em qualquer departamento dos Serviços de Alimentação e Veterinária Regionais.

Os detentores de aves encontram-se obrigados a declarar periodicamente as alterações aos seus efectivos, de acordo com os procedimentos a estabelecer por despacho do Director-Geral de Alimentação e Veterinária.

A apresentação das declarações de existências dos efectivos de galinhas poedeiras, deve ser realizada nos meses de Fevereiro e Setembro, até ao último dia do mês a que se referem, considerando o efectivo presente no dia 1 desse mês.

Obrigatoriedade

De acordo com a legislação, e suas alterações, todas as explorações de aves são identificadas pela marca de exploração, constituída por um código único que localiza a exploração no território nacional. A sua atribuição é competência da DGAV.

Todas as explorações de aves são registadas na base de dados do SNIRA e o detentores são responsáveis pela correcta identificação e registo dos seus animais.

A falta da declaração obrigatória de existências pode levar ao pagamento de coimas.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Marinha Portuguesa coordena resgate de 7 pessoas a bordo de veleiro na Ilha do Pico

Partilhar              A Marinha, através do Centro de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo de Ponta Delgada …

2 comentários

  1. Quem tem galinhas para ter ovos para consumo próprio, também está obrigado ao registadas galinhas ?

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.