Início / Agricultura / Cotações – Azeite – Informação Semanal – 25 a 31 Março 2024
Designed by rosalerosa / Freepik

Cotações – Azeite – Informação Semanal – 25 a 31 Março 2024

Análise SIMA – Sistema de Informação de Mercados Agrícolas

Azeite

Iniciou a campanha de comercialização de azeite 2023/24 na área de comercialização da Beira Interior e prosseguiu nas áreas de mercado do Alentejo, Ribatejo, Beira Litoral e Trás-os-Montes.

Em comparação a semana anterior, a cotação média de azeite virgem engarrafado diminuiu 0,55 €/L. Em Trás-os-Montes, a procura voltou a diminuir e no Alentejo Sul, a oferta continua insuficiente para a elevada procura, verificando-se falta de produto.

Nesta campanha o azeite caracteriza-se como bom a excelente em relação à sua qualidade.

A diminuição da produção mundial de azeite registada nos 2 últimos anos, devido principalmente ao decréscimo em Espanha, o maior produtor mundial, reflectiu-se no preço do azeite a granel em Portugal.

Comércio internacional

Comparando o mês de Janeiro do corrente ano com o de 2023, verifica-se que o saldo comercial português aumentou (33%), continuando a apresentar superavit neste sector (cerca de 18 mil euros).

De acordo com os últimos dados divulgados pelo INE sobre o comércio internacional, este em volume diminuiu 3% (253 toneladas) comparando os dois períodos.

Em 2023, a maior parte das exportações do azeite nacional teve como destino a Espanha (54%), o Brasil e a Itália mantiveram o 2º e 3º lugar, respectivamente, e o 4º destino foi a França que ultrapassou os EUA comparando com o ano 2022.

Pode ler a análise completa do SIMA aqui.

Todas as cotações aqui.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

BUPi reconhecido com prémio internacional de inovação em Sistemas de Informação Geográfica

Partilhar              O BUPi – Balcão Único do Prédio foi distinguido com o Special Achievement in GIS …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.