Início / Agricultura / Angola abre concurso para 200 licenças para explorar 300 mil metros cúbicos de madeira

Angola abre concurso para 200 licenças para explorar 300 mil metros cúbicos de madeira

Angola tem falta de concessionários para explorar madeira e/ou carvão. Só nos municípios de Massango e Cambundi-Catembo existem 115 mil hectares de florestas para explorar madeira e mil para a exploração de carvão vegetal estão inexploradas por falta de empresas licenciadas para o efeito. Quem o diz é Tomás Mizalaque, o responsável local do Instituto de Desenvolvimento Florestal.

O Ministério da Agricultura e Florestas de Angola está já a apreciar 18 processos de pedidos de concessão para a exploração de madeira e dois para o carvão naquela província.

Campanha florestal

A campanha florestal deve abrir oficialmente esta semana, estando previsto a concessão de menos de 200 licenças em todo o país para explorar 300 mil metros cúbicos de madeira.

Tomás Mizalaque, em declarações à agência noticiosa Angop, na cidade de Malange, afirmou que a província não dispõe de nenhum concessionário para explorar madeira e/ou carvão, “pelo que se torna urgente a criação de empresas do ramo para aproveitar o potencial que a região detém neste área”.

A Bacia do Congo é uma das zonas selvagens mais importantes do planeta, contém 20% das florestas tropicais do Mundo e a maior diversidade biológica de África, se bem que as zonas junto às cidades estão a ser ameaçadas devido ao aumento populacional.

Agricultura e Mar Actual

loading...

Verifique também

Siro e Cerealto unem-se. Cerealto Siro Foods vai produzir marcas para terceiros

A Siro e a multinacional Cerealto assinaram um acordo para a integração de ambas as …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.