Início / Featured / Póvoa de Varzim assume competências da Docapesca para revitalizar Marina Norte
© Câmara Municipal da Póvoa de Varzim

Póvoa de Varzim assume competências da Docapesca para revitalizar Marina Norte

A Câmara Municipal da Póvoa de Varzim informa que foi assinado, 6 de Dezembro, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, o Protocolo de Transferência de Competências da Docapesca – Portos e Lotas para o Município, numa cerimónia que contou com as presenças da ministra da Agricultura e da Alimentação, Maria do Céu Antunes, e da secretária de Estado das Pescas, Teresa Coelho.

Antes da intervenção do presidente da Câmara, foi exibido o vídeo do projecto de reabilitação da frente ribeirinha da Póvoa de Varzim: Marina Norte, área na qual a autarquia vai apostar na sua dinamização, através da criação de áreas verdes, alargamento da rede de ciclovias, fixação de estabelecimentos de restauração e animação nocturna, através de um investimento total (mas faseado) de 15 milhões de euros, refere uma nota de imprensa da autarquia.

O presidente da Câmara referiu que “é importante o envolvimento de todos na potencialização daquilo que é o nosso posicionamento geográfico privilegiado”, garantindo que podem contar com o Município “para trabalharmos em conjunto em prol da nossa «agenda mobilizadora territorial». É esta dinâmica empreendedora que, em conjunto, fará crescer a economia deste concelho e, graças a ela, o bem-estar de quem aqui vive e a qualidade de vida de quem trabalha, todos os dias, em alto mar”.

No entanto, alertou que também a Póvoa de Varzim tem que poder contar com os “governantes e poder central para fazerem a vossa parte, que passa fundamentalmente pelo dever de assegurar a responsabilidade maior: a segurança de todos”, através da criação “de melhores condições de socorro a quem arrisca a vida numa profissão essencial à nossa soberania alimentar, tal como de condições infra-estruturais de segurança na abordagem ao nosso porto de pesca com a resolução em definitivo do problema do assoreamento da barra”.

A ministra da Agricultura e da Alimentação referiu que esta descentralização nas “áreas portuárias e marítimas é fundamental, já fizemos um conjunto alargado de protocolos de delegação de competências a sul e agora aqui no norte e percebemos claramente que este é um modelo que importa continuar a valorizar”.

Por sua vez, o presidente do conselho de administração da Docapesca, Sérgio Faias, destacou o bom entendimento com o nosso município de há muitos anos e em tudo favorável neste processo de transferência de competências.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Eurodeputados portugueses e espanhóis juntos na defesa do regadio em Bruxelas

Partilhar              Eurodeputados portugueses e espanhóis, reunidos no 3º Congresso Ibérico do Milho, concordaram que “o regadio …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.