Início / Agricultura / Cotações – Cereais – Informação Semanal – 29 de Janeiro a 4 Fevereiro 2024

Cotações – Cereais – Informação Semanal – 29 de Janeiro a 4 Fevereiro 2024

Análise SIMA – Sistema de Informação de Mercados Agrícolas

Cereais de Primavera-Verão

Terminou a campanha de comercialização 2023/24 de arroz carolino no mercado Vale do Mondego e prosseguiram as campanhas de arroz carolino e arroz agulha na área de mercado Vale do Sado e Mira, com uma ligeira subida da cotação média do arroz carolino (2,00 €/t).  Em ambos os mercados o produto classifica-se como bom em relação à sua qualidade.

A nível nacional, o INE prevê uma produção de cerca de 171 000 toneladas, que corresponde a um aumento da produção na ordem dos 10%, em comparação com a campanha anterior, devido ao aumento da área de produção e da produtividade. Estima-se que 98% do arroz semeado em Portugal em 2023 foi do tipo Longo A (Carolino) e 2% do tipo Longo B (Agulha).

A campanha de comercialização 2023/24 de milho na área de mercado Beira Litoral terminou, onde a oferta e a procura foram muito fracas, o número de transacções foi baixo mas o produto apresentou uma boa qualidade.

As estimativas do INE indiciam que na actual campanha ocorra um aumento da produtividade em cerca de 5% em relação à campanha anterior e uma produção de cerca de 752 mil toneladas de milho (+10%), deverá ser a maior desde 2015, devido aos aumentos de produtividade.

Cereais importados

Em relação aos cereais transaccionados no porto de Lisboa, verificou-se a diminuição das cotações de trigo mole forrageiro e milho forrageiro em 2,00 €/t e 5,00 €/t, respectivamente, em comparação com a semana anterior.

Cereais transaccionados no Mercado Europeu

Nas cotações de cereais transaccionados nos principais portos europeus destaca-se a subida da cotação de trigo durum no porto de La Pallice (França) em 8,0 €/t e a diminuição da cotação de milho forrageiro no porto de Roterdão (Países Baixos) em 5,0 €/t, em relação à semana anterior.

A situação de seca que penalizou extraordinariamente a produção nacional de cereais de Outono-Inverno também afectou a produção noutras regiões, nomeadamente no Sul da Europa, onde se produz trigo duro (destinado a massas alimentícias), com a diminuição da oferta a pressionar o preço desta commodity nos mercados internacionais.

Por outro lado, o trigo mole (destinado à panificação), cujo preço disparou com o início da guerra na Ucrânia, tem registado uma tendência de descida.

Pode ler a análise completa do SIMA aqui.

Todas as cotações aqui.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Consulta pública sobre Acordo Comercial UE-Canadá termina a 25 de Abril

Partilhar              A Comissão Europeia tem em curso, até dia 25 de Abril de 2024, uma consulta …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.