Início / Agricultura / Apesar do granizo INE prevê aumentos generalizados no rendimento unitário das pomóideas

Apesar do granizo INE prevê aumentos generalizados no rendimento unitário das pomóideas

O Instituto Nacional de Estatística (INE), nas suas previsões a 30 de Junho, estima, apesar da queda de granizo registada, aumentos generalizados no rendimento unitário das pomóideas.

Na maçã, refere o Boletim Mensal da Agricultura e Pescas – Julho de 2021, a floração e vingamento dos frutos decorreu com normalidade nas principais regiões produtoras: em Trás-os-Montes, e pese embora o registo de prejuízos pontuais resultantes de queda de granizo, estimando um aumento de produtividade face à campanha anterior (que, recorde-se, registou problemas no vingamento).

No Ribatejo e Oeste o desenvolvimento dos frutos apresenta um adiantamento, face ao ano passado, de 5 dias (nos grupos Fuji e Granny) e 10 dias (nos grupos Gala, Golden e Reinetas), estando a decorrer a normal queda fisiológica de frutos de junho. Globalmente estima-se um aumento de 15% na produtividade, para as 23,1 toneladas por hectare.

Quanto à pêra, também existe um adiantamento de 6 a 10 dias no desenvolvimento vegetativo da variedade Rocha.

Produtividade da maçã aumenta 35%

Acrescentam os técnicos do INE que os pomares apresentam um bom estado geral e uma boa mostra de frutos, perspectivando-se uma produtividade muito superior à alcançada na campanha anterior (+35%).

De referir que, apesar da modernização dos pomares, nomeadamente com a introdução de sistemas de rega, e do incremento da utilização de bioactivadores e estimuladores da floração/vingamento dos frutos, continua a ser evidente o fenómeno de safra/contrassafra (alternância anual de produtividades) nas pomóideas, salienta o Boletim Mensal da Agricultura e Pescas – Julho de 2021.

Condições meteorológicas promovem aumentos de produtividade no pêssego

Quanto ao pêssego, as condições meteorológicas foram favoráveis, quer no período da floração e vingamento, quer nas fases de desenvolvimento dos frutos. Apesar de alguns estragos provocados pela queda de granizo na Cova da Beira, uma das principais zonas produtoras, estima-se um aumento de 20% na produtividade, face a 2020.

Agricultura e Mar Actual

 
       
   
 more

Verifique também

Ministra da Agricultura visita novos laboratórios da SGS Portugal

Partilhar             more  A SGS Portugal recebe amanhã, 30 de Novembro, a partir das 15 horas, a …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.