Início / Empresas / Luís Simões adere ao projecto Lean&Green da GS1 Portugal para reduzir pegada carbónica

Luís Simões adere ao projecto Lean&Green da GS1 Portugal para reduzir pegada carbónica

A Luís Simões, líder no mercado de fluxos rodoviários entre os dois países ibéricos, é o mais recente parceiro da GS1 Portugal a aderir ao Lean & Green, um programa que promove a redução voluntária de emissões de dióxido de carbono equivalente nas operações logísticas das empresas.

O Lean & Green, representado no nosso País pela GS1 Portugal desde o final de 2018, conta com mais de 600 empresas a nível mundial e terá agora a participação da Luís Simões, que se propõe a reduzir 20% das emissões de dióxido de carbono equivalente, no intervalo de tempo de 5 anos, em âmbito logístico e de transporte, contribuindo assim para uma cadeia de valor mais eficiente e sustentável, refere uma nota de imprensa da GS1 Portugal.

Sobre os objectivos da participação nesta iniciativa, o director de Processos e Compliance do Grupo Luís Simões, Pedro Ventura, destaca que “a Luís Simões está fortemente empenhada na implementação de iniciativas com vista à progressiva descarbonização das suas operações, estando alinhada com os compromissos estabelecidos de forma voluntária neste âmbito, no sentido de acrescentar um maior valor a clientes, por esta via. A adesão à iniciativa Lean & Green tem como objectivo acelerar (ainda mais) este movimento, através do acesso a mais conhecimento e boas-práticas nesta matéria. Estamos seguros de que as estrelas serão uma consequência natural desse movimento”.

Por sua vez, o director-executivo da GS1 Portugal, João de Castro Guimarães, dá as boas-vindas à Luís Simões, salientando que “é com enorme orgulho e verdadeiro sentido de missão que a GS1 Portugal representa o programa Lean & Green, um estímulo à adopção de compromissos com a descarbonização por parte das empresas. Esta adesão comprova o papel central que a sustentabilidade assume, cada vez mais, na estratégia e objetivos das organizações, e tudo faremos para as apoiar na promoção da eficiência e na redução das emissões de dióxido de carbono”.

Em Portugal, a Luís Simões junta-se, assim, a empresas como Auchan Retail, Pingo Doce, Delta Cafés, Nestlé Portugal e Nespresso.

O programa Lean & Green está presente em 16 países, dos quais 14 na europa, para além dos Estados Unidos e Canadá, e já contribuiu para a redução de 2,5 megatoneladas de dióxido de carbono equivalente, a nível global.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Já são conhecidos os vencedores do Prémio Nacional de Enoturismo 2024

Partilhar              A gala da terceira edição do Prémio Nacional de Enoturismo Apeno/Ageas Seguros 2024, considerado o …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.