Início / Agricultura / Produtores de leite manifestam-se na Trofa com desfile de tractores por um preço justo do leite

Produtores de leite manifestam-se na Trofa com desfile de tractores por um preço justo do leite

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

“Assistimos a uma prolongada agonia do sector leiteiro. É tempo de expressar publicamente o desânimo e a revolta que sentimos”, diz a direcção da Aprolep — Associação dos Produtores de Leite de Portugal. Por isso, realiza hoje, 25 de Agosto, uma manifestação reivindicando um preço justo do leite à produção. Haverá um desfile de tractores entre a Av. das Indústrias (Ribeirão – Famalicão), através da N14 até à Rotunda Continente /Mc Donalds/Pingo Doce, na Trofa, entre as 11 horas e as 13h30.

“Ao longo de meses, alertamos o Governo, a indústria e a distribuição para a situação crítica que estamos a viver. A distribuição, que diz apoiar a produção nacional, não teve até agora qualquer palavra ou atitude no sentido de nos acudir”, refere a Associação em comunicado.

E acrescenta: “estamos fartos de ver o leite que nos custa tanto produzir ser usado como produto barato para atrair consumidores. Estamos fartos de ver o nosso trabalho desvalorizado. As constantes promoções e guerras de preços estão a matar a produção nacional de leite”.

Isto apesar de realçar que “esta não é uma manifestação contra os supermercados, é uma manifestação pelo futuro de todo o sector leiteiro, da agricultura portuguesa e do mundo rural”.

Pior preço do leite ao produtor na Europa

A Associação explica que os produtores de leite portugueses recebem, em média, “o pior preço do leite ao produtor na Europa, 29,9 cêntimos por kg de leite, 6 cêntimos abaixo da média comunitária. Seis cêntimos abaixo de um preço justo que permita pagar os custos de produção”.

E realça que, por outro lado, “sofreram nos últimos meses um aumento brutal do custo das rações, que representam metade das despesas de uma vacaria, para além do aumento dos custos da energia, mão-de-obra e de todos os factores de produção que ocorreram nos últimos anos”.

“Repetimos hoje, de viva-voz, o que já perguntámos em Maio: Estão as empresas de distribuição disponíveis para actualizar com urgência o preço do leite e produtos lácteos aos seus fornecedores, de modo que seja possível aumentar o preço ao produtor? Alguém tem que dar o primeiro passo, dar o exemplo e subir o preço do leite”, pode ler-se no comunicado.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •   
  •   
  •   
  •  

Verifique também

Petição contra a alteração da idade para assistir ou participar em touradas está a chegar aos 18 mil subscritores

Partilhar              O Conselho de Ministros aprovou no dia 14 de Outubro o decreto-lei que altera a …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.