Início / Agricultura / GNR faz acção de fiscalização à apanha e comércio de alfarroba no Algarve e recupera 3.720 quilos furtados

GNR faz acção de fiscalização à apanha e comércio de alfarroba no Algarve e recupera 3.720 quilos furtados

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O Comando Territorial de Faro ontem, dia 24 de Agosto, realizou uma acção de fiscalização dirigida à apanha e comércio de alfarroba nos concelhos de Loulé, Faro, São Brás de Alportel e Olhão, avança a Guarda Nacional Republicana (GNR) em nota de imprensa.

No decorrer desta acção foram fiscalizados diversos estabelecimentos comerciais que se dedicam à compra de alfarroba, tendo ainda sido fiscalizados diversos veículos que efectuam o transporte deste produto até aos respectivos pontos de comercialização.

Constituídos arguidos 12 indivíduos por furto de alfarroba

No decorrer das diligências policiais foram elaborados 16 autos de notícia por furto de alfarroba, tendo sido constituídos arguidos 12 indivíduos, com idades compreendidas entre os 21 e os 69 anos, e identificados outros nove, com idades compreendidas entre os 14 e os 62 anos. Foram ainda apreendidos 3.720 quilos de alfarroba, uma vez que os suspeitos não conseguiram justificar a sua proveniência.

Desta acção resultou ainda a detenção de um homem de 55 anos por condução sob influência do álcool, e de dois indivíduos de 32 e 56 anos por condução sem habilitação legal. Foram ainda elaborados 51 autos de contra-ordenação de âmbito rodoviário, para além de nove por infracções ao Regime de Bens em Circulação e de uma participação por falta de guias de transporte ao abrigo do Regime de Bens em Circulação.

A acção contou com o reforço de militares do dispositivo territorial e de trânsito, incluindo elementos da estrutura de investigação criminal, da Unidade de Acção Fiscal (UAF) e com o apoio da Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE).

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •   
  •   
  •   
  •  

Verifique também

Petição contra a alteração da idade para assistir ou participar em touradas está a chegar aos 18 mil subscritores

Partilhar              O Conselho de Ministros aprovou no dia 14 de Outubro o decreto-lei que altera a …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.