Início / Featured / Docapesca apresenta nova lota de Cascais. Investimento de 600 mil euros
© Docapesca

Docapesca apresenta nova lota de Cascais. Investimento de 600 mil euros

A Docapesca – Portos e Lotas e a Câmara Municipal de Cascais apresentaram esta terça-feira a nova lota e o novo cais de aprestos de Cascais, em cerimónia que contou com a presença da Ministra da Agricultura e da Alimentação, Maria do Céu Antunes.

O investimento de cerca de 600 mil euros, co-financiado pelo programa operacional Mar 2020, contemplou a requalificação total da lota, dotando o espaço de todas as condições para a obtenção de número de controlo veterinário, que permite a comercialização do pescado com todas as garantias de segurança alimentar, avança uma nota de imprensa enviada pela Associação dos Portos de Portugal.

A nova lota de Cascais dispõe de uma área de recepção do pescado, totalmente equipada com uma máquina de gelo, com uma capacidade de produção de 1 tonelada por dia, e uma cuba de armazenamento com 950 kg de capacidade, uma balança de pesagem e uma zona de lavagem e armazenamento de caixas limpas.

“Sendo a higiene e a segurança alimentar do pescado objectivos estratégicos da Docapesca, a empresa tem vindo a reforçar as condições de segurança e qualidade alimentar através da requalificação dos edifícios e equipamentos e da melhoria dos procedimentos organizacionais, com vista à valorização do pescado fresco português transaccionado nas lotas do continente”, adianta a mesma nota.

Durante a cerimónia, Sérgio Faias, presidente do conselho de administração da Docapesca reforçou que “com esta infra-estrutura, estão criadas condições para podermos proceder à primeira venda do pescado capturado pelos pescadores de Cascais, dando cumprimento as melhores práticas internacionais no âmbito da segurança alimentar. Com uma cadeia de frio reforçada pelas novas, fábrica de gelo e câmara frigorífica, vai ser possível contribuir para valorizar ainda mais o produto destes profissionais da pesca e fazer chegar à mesa dos portugueses, pescado de elevadíssima qualidade”.

Novo cais de aprestos

No mesmo dia foi também inaugurado o novo cais de aprestos no porto de pesca de Cascais, uma intervenção da responsabilidade do Município, que representou um investimento adicional de 500 mil euros. As novas instalações, situadas no Cais de Aprestos, dão apoio à actividade piscatória e ao correcto armazenamento das artes de pesca, garantindo, em simultâneo, a preservação do Património Cultural edificado existente.

© Ministério da Agricultura

“A recuperação e reconversão deste espaço promoveu a preservação do Património Cultural edificado existente, como a muralha que suporta a Avenida D. Carlos I (C.1900) e do Cais de Aprestos, e também do património imaterial, contribuindo para a sobrevivência da pesca tradicional em Cascais, com melhores condições”, realça fonte institucional da autarquia.

E acrescenta que neste espaço foram criadas 33 malas, 8 para armadores da pesca costeira (com uma área de abrigo de 43,72m2) e 25 para armadores da pesca local (uma área de abrigo de 22,64m2), servindo para o armazenamento e apoio da actividade piscatória. A intervenção permitiu ainda a garantia da acessibilidade, compatibilidade de uso e devolução à comunidade de um espaço para a fruição turística.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Município da Moita promove workshop sobre compostagem doméstica e horta terapêutica

Partilhar              A Câmara Municipal da Moita vai realizar no dia 2 de Março, entre as 9 …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.