Início / Agricultura / Bananicultores afectados pelo mau tempo podem pedir apoio à GESBA até 31 de Outubro
© Governo da Madeira

Bananicultores afectados pelo mau tempo podem pedir apoio à GESBA até 31 de Outubro

O Governo Regional da Madeira informa que, através da GESBA – Empresa de Gestão do Sector da Banana, vai disponibilizar o seguro de colheitas aos produtores de banana afectados pelo mau tempo que se fez sentir no último fim-de-semana.

Para tal, os agricultores deverão dirigir-se ao novo Centro de Processamento da Banana em São Martinho ou às instalações da GESBA na Ponta do Sol até o dia 31 de Outubro para comunicarem os prejuízos verificados nas suas parcelas, refere uma nota de imprensa do Executivo madeirense.

De acordo com o administrador da GESBA, Artur Lima, “o seguro de colheitas constitui uma medida que se insere no pacote de iniciativas que visam, em primeiro lugar proteger o agricultor, mas também estimular a agricultura, a economia e o reforço das margens de lucro daqueles que trabalham e tiram sustento da terra”.

© Governo da Madeira

A GESBA garante a produção de cerca de 2.900 bananicultores da Região Autónoma da Madeira, permitindo que estes tenham as suas produções asseguradas contra intempéries, nomeadamente chuva forte, ventos fortes, granizo ou incêndio, avança a mesma nota.

Após o dia 31 de Outubro, na posse de todas as participações dos produtores de banana, a GESBA submete-as de imediato à seguradora, seguindo-se o contacto com o produtor, agendando e realizando a peritagem.

A atribuição da indemnização é condicionada à verificação, por segurado, das perdas acumuladas (as perdas de vários sinistros são cumulativas), durante o período de 1 de Setembro a 31 de Agosto do ano seguinte) e que destruam pelo menos 20% da produção anual média de um agricultor.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

PSD/Açores: Orçamento para 2024 demonstra estratégia para o sector das pescas

Partilhar              O deputado regional do PSD/Açores Jaime Vieira salientou quarta-feira que o Plano e Orçamento para …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.