Início / Featured / Madeira com valor recorde de pescado descarregado próximo dos 22 milhões de euros

Madeira com valor recorde de pescado descarregado próximo dos 22 milhões de euros

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O valor do pescado descarregado na Região até 30 de Novembro de 2019, já ultrapassou o ano de 2017, que estava referenciado como “o melhor ano”, desde 2007. A Região atingiu em 2017 um total de 21.366.364 euros, enquanto em Novembro de 2019 o valor cifrava-se já em 21.664.302 euros, ficando a faltar os dados referentes a Dezembro para fechar o ano.

Ao analisar os dados já apurados, o secretário Regional de Mar e Pescas, Teófilo Cunha, diz que a Região se prepara para “bater um novo recorde”, facto que considera relevante para a economia regional porque significa mais rendimento para os pescadores e armadores.

Peixe-espada preto

A quota de peixe-espada preto a que Portugal tem direito e que é na sua esmagadora maioria capturada nos mares da Madeira, está nesta altura do ano nos 80 por cento do total autorizado.

“Das 2.189 toneladas a que o País tem direito, a Madeira já atingiu as 1.800 toneladas, estamos, portanto, ainda abaixo da quota que é autorizada”, explicou o secretário Regional.

“Mas, mesmo que por mera hipótese a quota fosse atingida e faltasse mais tempo para o fim do ano, poderíamos utilizar um mecanismo legal que é por repescagem ir buscar um valor percentual dos últimos três anos em que não atingimos o total das quotas”, acrescenta Teófilo Cunha.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

Nuno Russo: “a informação permitirá valorizar o que produzimos”

Partilhar            O secretário de Estado da Agricultura e do Desenvolvimento Rural, Nuno Russo, participou, ontem, 26 …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.