Início / Agricultura / Vencedor: Azinheira Secular do Monte do Barbeiro de Mértola é a Árvore do Ano

Vencedor: Azinheira Secular do Monte do Barbeiro de Mértola é a Árvore do Ano

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Os portugueses escolheram a “Árvore Portuguesa do ano de 2019”. O vencedor do concurso nacional foi conhecido hoje, 21 de Novembro. A eleita foi a Azinheira Secular do Monte do Barbeiro, de Mértola.

A melhor forma de perceber a grandiosidade da “Azinheira Secular do Monte do Barbeiro” é efectivamente pela sua sombra. Sentarmo-nos debaixo da sua copa faz com que o calor abrasador do Alentejo nos pareça suportável e nos permita contemplar a vastidão da planície envolvente respirando a sua tranquilidade.

O público português premiou uma árvore que se destaca pelas suas grandiosas dimensões comparativamente aos exemplares da sua espécie, uma árvore enraizada nas vidas e no trabalho das pessoas e da comunidade que a rodeia no Alentejo.

Concurso Tree of the Year

O concurso Tree of the Year valoriza os critérios biológicos, estéticos, dimensionais e históricos ou culturais associados às árvores, realçando a ligação emocional que as pessoas e as comunidades mantêm com as árvores, bem como a sua importância para o património natural e cultural da Europa.

A UNAC — União da Floresta Mediterrânica foi o parceiro escolhido para organizar o concurso a nível nacional, tendo a iniciativa o apoio institucional do Ministério da Agricultura, Floresta e Desenvolvimento Rural.

Digno representante do sistema de produção mediterrânico

A Azinheira Secular é um digno representante de um sistema de produção mediterrânico único, de cariz agroflorestal, que sustenta uma economia de territórios frágeis e contribui para a biodiversidade, a mitigação das alterações climáticas e o combate à desertificação, sendo um elemento marcante na paisagem do Alentejo.

A Azinheira Secular representará Portugal no concurso europeu Tree of the Year 2019. Durante o mês de Fevereiro de 2019, todos poderão escolher a sua árvore preferida a nível Europeu através de um sistema de votação on-line.

Registados 19.328 votos

O público decidiu entre 10 árvores candidatas. Durante o período de votação houve entusiasmo e divulgação tendo as comunidades locais apelado ao voto nos seus candidatos favoritos, foram registados 19.328 votos durante o período de votação.

Para além dos 3 primeiros lugares, os resultados da votação foram:

  • 4.º Nosso Sobreiro, Abela, Santiago do Cacém
  • 5.º Zambujeiro Milenar, Foros de Vale de Figueira, Montemor-o-Novo
  • 6.º Carvalho de Calvos, Bouça da Tojeira, Póvoa do Lanhoso
  • 7.º Oliveira do Mouchão Mouriscas, Abrantes
  • 8.º Dragoeiro, Lisboa
  • 9.º Aroeira “A Fazedora de Chuva”, Valongo, Avis
  • 10.º Tuia-gigante, Sintra

A Azinheira Secular agora escolhida, juntamente com as árvores dos outros países europeus participantes no concurso, será uma candidata a suceder ao Sobreiro Assobiador de Águas de Moura, vencedor da edição europeia de 2018.

As histórias das dez árvores nacionais a concurso encontram-se disponíveis aqui.

Os resultados do concurso nacional encontram-se disponíveis aqui.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •   
  •   
  •   
  •  

Verifique também

Ministra da Agricultura inaugura reabilitação do Aproveitamento Hidroagrícola da Camba

Partilhar              A ministra da Agricultura, Maria do Céu Antunes, e o secretário de Estado da Agricultura …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.