Início / Apoios e Oportunidades / Apoios Comunitários / Reunião Informal de Ministros Europeus em Lisboa: Espanha propõe debate sobre financiamento da renovação da frota de pesca antes da próxima reforma da PCP
Foto: Governo de Espanha

Reunião Informal de Ministros Europeus em Lisboa: Espanha propõe debate sobre financiamento da renovação da frota de pesca antes da próxima reforma da PCP

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O ministro da Agricultura, Pescas e Alimentação de Espanha, Luís Planas, defende que os Estados-membros da União Europeia devem iniciar, antes da próxima reforma da Política Comunitária das Pescas (PCP), prevista para 2023, um “debate sereno” sobre a possibilidade de financiar a renovação da frota comunitária “para dispor de embarcações modernas, seguras e eficientes sem necessidade de aumentar o esforço de pesca”.

O titular da pasta das pastas da Agricultura e das Pescas defendeu estas ideias hoje, 15 de Junho, em Lisboa, onde participou na reunião informal do Conselho de Ministros da Agricultura e Pescas, no qual foi aberto um processo de reflexão sobre a reforma da Política Comunitária das Pescas.

O processo de reflexão aberta, segundo Planas, deve ter como objectivo “garantir a manutenção do sector pesqueiro comunitário, sustentável e competitivo, que gere riqueza e emprego com um horizonte de estabilidade e futuro”.

Rendimentos Máximos Sustentáveis

O ministro espanhol destacou algumas conquistas da reforma levada a cabo em 2013, como a aplicação de Rendimentos Máximos Sustentáveis ​​(MSY) na maior parte dos stocks pesqueiros, e a regionalização da PCP, na qual considera necessário avançar mais no seu cumprimento, nomeadamente nas particularidades das diferentes pescarias.

Luís Planas lembrou que a produção pesqueira europeia mal satisfaz um terço da procura dos consumidores e defende uma reforma que não esqueça a rentabilidade económica e social, “que leve em conta os pescadores e suas famílias”. “Os pescadores são os primeiros interessados ​​em ter oceanos saudáveis ​​e produtivos para garantir a continuidade da sua actividade”, explicou o ministro espanhol.

Entre os desafios futuros que a reforma deve contemplar, mencionou a melhoria das condições de trabalho nos navios, a sua segurança e a promoção da mudança geracional no sector.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •   
  •   
  •   
  •  

Verifique também

Fundão lança concurso para criação da identidade gráfica do Centro de AgroTech. Candidaturas até 23 de Agosto de 2021

Partilhar              A Câmara Municipal do Fundão lançou um concurso de ideias para a concepção da identidade …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.