Início / Agricultura / Regionais Açores. Coligação PSD/CDS/PPM propõe criação de Fundo de Garantia para produtores de leite
©Hugo Moreira

Regionais Açores. Coligação PSD/CDS/PPM propõe criação de Fundo de Garantia para produtores de leite

O presidente do Governo Regional dos Açores, José Manuel Bolieiro, apresentou hoje, 29 de Janeiro, a sua Agenda de Governação 2024-2034 com “soluções arrojadas e inovadoras” para o futuro dos Açores, demonstrando a “capacidade de inovar sempre” da Coligação PSD/CDS/PPM.

Uma dessas soluções, para o sector da agricultura, passa pela criação de um Fundo de Garantia para os produtores, a activar, “conjunturalmente, sempre que o preço do leite diminuir mais do que o definido como limiar mínimo de uma remuneração justa e de sustentabilidade da actividade naquele período”.

O candidato a presidente do Governo dos Açores explicou que, “em períodos em que os preços pagos à produção sejam superiores aos custos de produção acrescidos de uma margem de lucro previamente definida, haverá um contributo para este fundo” por parte dos intervenientes no sector.

Para José Manuel Bolieiro, “esta agenda de governação não é apenas um documento, é a nossa experiência de governação e a nossa capacidade de inovar sempre”, salientando que a Agenda de Governação 2024-2034 é “reformista, humanista e de respeito pela liberdade de iniciativa económica”.

“Este é o programa que defendo nestas eleições. Provocaram uma crise política e eu proponho: Vamos resolver esta crise. Vamos preferir a estabilidade. A estabilidade é a alma do progresso. Só nós estamos em condições de liderar um governo estável”, salientou.

O candidato a Presidente do Governo dos Açores elencou os compromissos que assume para com os açorianos em diversas áreas, como a Habitação, a Saúde, a Agricultura e a Administração Pública Regional, refere uma nota de imprensa da Coligação.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Consulta pública sobre Acordo Comercial UE-Canadá termina a 25 de Abril

Partilhar              A Comissão Europeia tem em curso, até dia 25 de Abril de 2024, uma consulta …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.