Início / Agenda / Prémio PME Inovação COTEC-BPI tem candidaturas abertas até 22 de Setembro

Prémio PME Inovação COTEC-BPI tem candidaturas abertas até 22 de Setembro

A COTEC Portugal, associação empresarial para a inovação, promove a 19ª Edição do Prémio PME Inovação COTEC-BPI, iniciativa que distingue pequenas e médias empresas (PME) que se notabilizam pela sua “liderança, cultura, boas práticas de gestão e inequívoco crescimento internacional e competitividade baseada na utilização do conhecimento e da inovação”.

As candidaturas decorrem até dia 22 de Setembro e poderão ser formalizadas através do website da iniciativa, aqui.

Segundo Jorge Portugal, director-geral da COTEC, “o Prémio permite perceber quais as características que fazem da inovação um factor de sucesso das PME nacionais. Nestes 18 anos, tem antecipado e reconhecido trajectórias de sucesso das empresas que estão a construir a economia da inovação em Portugal. Temos dado a conhecer histórias inspiradoras de lideranças, culturas e práticas que merecem ser reconhecidas e até mesmo estudadas”.

Desde o seu lançamento em 2005, o Prémio já distinguiu 23 empresas de diversos sectores económicos, como as tecnologias de informação, serviços de engenharia, agroalimentar, mobilidade sustentável, têxteis técnicos, robótica, automação e farmacêutica.

“Na última década, as PME distinguidas com o galardão têm evidenciado uma identidade inovadora e uma trajectória de desenvolvimento robusto e sustentado. Estas empresas cresceram a uma taxa média de 10% ao ano, actuando em áreas de alto valor acrescentado”, realça uma nota de imprensa da COTEC.

E salienta que “algumas das empresas vencedoras foram fundadas há apenas uma geração. Apesar da sua juventude – apresentam uma idade média de 23 anos -, os vencedores estão a contribuir para transformar o perfil de especialização da economia portuguesa, com maior penetração em sectores de média e alta tecnologia, levando a intensificar o valor de exportações”.

Critérios de selecção

A selecção das empresas finalistas, adianta a mesma nota, “assenta em critérios exigentes de investimento em conhecimento e inovação, elevado desempenho económico e robustez financeira”.

Por exemplo, as PME finalistas terão de proceder ao preenchimento do modelo de maturidade Innovation Scoring, um sistema de diagnóstico ao desempenho de inovação empresarial da COTEC Portugal. Posteriormente, recebem uma visita presencial para confirmação e recolha de informação adicional.

Estas são duas das fases da “avaliação rigorosa” feita pela COTEC Portugal e pelo Júri da iniciativa, no sentido de garantir a qualidade e o rigor dos processos de nomeação das empresas candidatas, de instrução das candidaturas e de atribuição do Prémio.

O Júri desta edição é presidido por Pedro Barreto (BPI) e composto por Ana Teresa Lehman (Faculdade de Economia– Universidade do Porto), António Portela (BIAL), Carlos Oliveira (Fundação José Neves), João Bigote (Universidade de Coimbra), José Carlos Caldeira (INESC TEC), Lua Queiroz Pereira (Semapa), Manuel Mira Godinho (ISEG) e Manuela Tavares de Sousa (Imperial).

A COTEC Portugal, associação empresarial para a inovação, tem como missão contribuir para o crescimento e aumento de competitividade das empresas localizadas em Portugal através do desenvolvimento e difusão de cultura e prática de inovação, cooperação e valorização económica do conhecimento científico endógeno e de apoio à execução de políticas públicas.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Mercadona baixa preços ao consumidor. Pão, massa e azeite incluídos

Partilhar              A Mercadona, empresa de supermercados de origem espanhola, realizou uma nova redução de preços no …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.