Início / Agricultura / Douro: Vinhos Val Moreira pontuados com mais de 90 pontos na Wine Enthusiast

Douro: Vinhos Val Moreira pontuados com mais de 90 pontos na Wine Enthusiast

Alguns dos vinhos Val Moreira foram recentemente classificados com 90 pontos ou mais pela Wine Enthusiast Magazine, uma das mais prestigiadas revistas de vinhos norte-americanas, reconhecida pelos seus painéis de prova muito exigentes.

O Val Moreira Altitude de 2018 obteve 93 pontos. Já o Val Moreira Tinto de 2018 somou 92 e o Val Moreira Reserva Branco de 2019 teve 91. O Val Moreira Branco de 2019 alcançou os 90 pontos.

“Numa interpretação singular à região, procuramos a excelência em todos os vinhos Val Moreira que, com muito orgulho, vemos agora reconhecida pela prestigiada revista norte-americana Wine Enthusiast”, afirma a equipa de enólogos do projecto, formada por Bernardo Cabral, Felipe Sevinate Pinto e Ricardo Gomes.

Estes vinhos Val Moreira, mas também as restantes gamas de DOC Douro e Vinho do Porto e ainda o azeite, estão disponíveis na nova loja online em valmoreira.com e em garrafeiras e lojas especializadas.

Marca da Xvinus

Val Moreira é uma marca da Xvinus, empresa que resulta de uma parceria entre a Vila Galé, de Jorge Rebelo de Almeida, e a Madre, de António Parente. Localizada na margem Sul do Rio Douro, no Cima-Corgo, a Quinta do Val Moreira foi comprada pela Xvinus em 2018 e requalificada para enoturismo, contando com 26 hectares dedicados à produção de vinhos do Porto e vinhos do Douro, dois hectares de olival e dois hectares de amendoal.

Ali, estes dois amigos de longa data, que já produzem vinhos nas regiões do Alentejo e Lisboa – Jorge Rebelo de Almeida tem os vinhos regionais alentejanos Santa Vitória e António Parente produz na Quinta de São Sebastião, na Arruda dos Vinhos – desenvolveram um projecto que respeita a cultura organizacional do Douro. Ambicionam que cada garrafa de Val Moreira revele o equilíbrio entre a estrutura resultante de uvas que nascem junto ao rio e a frescura das uvas que crescem em vinhas a uma quota elevada.

A Quinta do Val Moreira é famosa pela sua história, por constar de um mapa antigo do século XIX, bastante conhecido na época: o mapa do Barão de Forrester. Próxima da pitoresca aldeia do Marmelal, entre Folgosa e Pinhão, fica também muito perto de um dos dois marcos mandados construir pelo Marquês de Pombal em 1757, que serviam para delimitar a zona dos vinhos generosos do Douro, dando origem à primeira região demarcada de vinhos do Mundo.

Agricultura e Mar Actual

 
       
   
 

Verifique também

Sapadores Florestais do SinFAP avançam com acção judicial contra o Estado Português

Partilhar              O SinFAP – Sindicato Independente dos Trabalhadores da Floresta, Ambiente e Protecção Civil, avançou com …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.