Início / Agenda / 3ª edição do Açores Bio marcada para 13 de Setembro na Ilha de São Miguel

3ª edição do Açores Bio marcada para 13 de Setembro na Ilha de São Miguel

A terceira edição do Açores Bio “Fórum da Agropecuária Biológica dos Açores” continua a promover acções de valorização da produção biológica, chegando agora à Ilha de São Miguel, com a organização de uma acção designada de “Conversas Bio-Lógicas”.

A acção terá lugar no dia 13 de Setembro, pelas 14h30, na Quinta de São Gonçalo, no Serviço de Desenvolvimento Agrário de São Miguel e vai contar com uma palestra designada de “Produtos Biológicos, tendências de consumo”, instruída por Raquel Vargas da BioKairós, onde serão abordadas as cada vez maiores tendências de consumo de produtos biológicos, informa o Executivo açoriano em nota de imprensa.

Segue-se uma apresentação por parte de Helena Alves, da “Terra Insular”, subordinada ao tema “Milho Açoriano de Água Retorta”, numa abordagem com uma vertente turística, seguindo-se a apresentação dos resultados do ensaio efectuado pelo Serviço de Desenvolvimento Agrário de São Miguel com a batata biológica no campo de observação, por Catarina Durão. O programa termina com um momento de degustação.

Participação é gratuita

Tal como em todas as acções do Açores Bio, a participação é gratuita, mediante inscrição prévia para o email info.sdasm@azores.gov.pt.

A mesma nota recorda que o Açores Bio é uma organização da Secretaria Regional da Agricultura e do Desenvolvimento Rural, através dos Serviços de Desenvolvimento Agrário das várias ilhas e com a colaboração de parceiros locais e/ou regionais em cada uma das ilhas, onde se destacam a Federação Agrícola dos Açores, a Trybio, a Bioazórica e a BioKairós.

O projecto visa dar continuidade às iniciativas de sensibilização, divulgação e capacitação para o modo de produção biológico, que vêm sendo promovidas desde a primeira edição, com a apresentação e promoção dos produtores e produtos biológicos dos Açores.

O Fórum irá percorrer novamente em todo o arquipélago, “mantendo os propósitos de incentivar a autonomia alimentar da Região, a economia circular, a bio economia e os circuitos curtos de comercialização, bem como contribuir para a mitigação dos impactos dos grandes desafios globais, como as alterações climáticas e as crises sanitárias”.

Mais informações sobre estas iniciativas podem ser adquiridas junto dos respectivos Serviços de Desenvolvimento Agrário ou através dos canais do Forumbioazores nas redes sociais, aqui.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Município do Seixal no TOP 3 da recolha de óleos alimentares usados de origem doméstica

Partilhar              O concelho do Seixal é um dos três concelhos do País, juntamente com os municípios …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.