Início / Agenda / Palestra “Para além do Fim do Mundo” relembra feito de Fernão de Magalhães

Palestra “Para além do Fim do Mundo” relembra feito de Fernão de Magalhães

A Academia de Marinha – Comissão Cultural de Marinha, em sessão conjunta vai realizar no Pavilhão das Galeotas do Museu de Marinha a palestra “Para além do fim do Mundo”, no dia 21 de Setembro, às 18 horas.

O orador é o Laurence Bergreen, biógrafo, historiador e cronista americano. É autor do best seller “Para Além do Fim do Mundo: a Magnífica Odisseia da Viagem de circum-navegação de Fernão de Magalhães”, que já vai na 40.ª edição, e colaborou com a NASA, em 2007, para dar o nome a algumas características geológicas em torno da cratera Victoria em Marte, com base em lugares visitados por Fernão de Magalhães.

500 anos da circum-navegação

Este evento insere-se no âmbito das celebrações dos 500 anos da circum-navegação, explica um comonicado da Marinha Portuguesa.

A entrada é livre, mas para garantir lugar, a Marinha recomenda a inscrição através do e-mail ccm.comunicacao.divulgacao@marinha.pt até ao dia 20 de Setembro.

Fernão de Magalhães

Fernão de Magalhães foi um navegador português que se notabilizou por ter organizado a primeira viagem de circum-navegação ao globo de 1519 até 1522.

Nascido numa família nobre, em 1506 viajou para as Índias Ocidentais, participando de várias expedições militares nas Molucas, também conhecidas como as Ilhas das Especiarias.

O primeiro a alcançar a Terra do Fogo

A serviço do Rei de Espanha, planeou e comandou a expedição marítima que efectuou a primeira viagem de circum-navegação ao globo. Foi o primeiro a alcançar a Terra do Fogo no extremo Sul do continente americano, a atravessar o estreito que hoje leva seu nome e a cruzar o Oceano Pacífico, que nomeou.

Fernão de Magalhães foi morto em batalha em Cebu, nas Filipinas durante a expedição, posteriormente chefiada por Juan Sebastián Elcano até ao regresso em 1522.

O Pinguim-de-magalhães recebeu o seu nome como homenagem, já que Magalhães foi o primeiro Europeu a ter visto um. As aptidões de navegação de Magalhães também foram reconhecidas na nomeação de objectos associados à astronomia, incluindo as Nuvens de Magalhães, as crateras lunares de Magalhães, e as crateras marcianas de Magalhães.

Agricultura e Mar Actual

Verifique também

CIP organiza Congresso “Portugal: Crescimento ou Estagnação? A resposta está nas empresas!“

A CIP – Confederação Empresarial de Portugal realiza, no próximo dia 22 de Outubro, o …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.