Início / Agricultura / GNR detém homem em flagrante por incêndio florestal em Bragança

GNR detém homem em flagrante por incêndio florestal em Bragança

O Comando Territorial de Bragança, através do Núcleo de Protecção Ambiental (NPA) do Destacamento Territorial de Bragança, deteve, em flagrante delito, um homem de 67 anos, por suspeitas do crime de incêndio florestal, na localidade de São Julião de Palácios.

Diz um comunicado da Guarda Nacional Republicana (GNR) que, no decurso de uma acção de patrulhamento de prevenção de incêndios florestais, militares do NPA de Bragança, detectaram uma coluna de fumo, que indiciava um eventual foco de incêndio. Chegados ao local, surpreenderam, em flagrante, o indivíduo que tinha efectuado a ignição, colocando-se este em fuga apeada no momento em que avistou os militares da GNR, o qual veio a ser interceptado e detido.

Alegou queimada

“O suspeito alegou que a sua intenção era efectuar uma queimada para efeitos de renovação do pasto, tendo perdido o seu controlo, o que levaria a que ardessem cerca de 30.000 m2 de mato”, acrescenta a GNR.

O indivíduo foi constituído arguido e sujeito a termo de identidade e residência.

Ver também:

GNR detém homem em flagrante por incêndio florestal em Bragança

Agricultura e Mar Actual

loading...

Verifique também

CEPAAL mostra Azeite do Alentejo a bloggers e jornalistas estrangeiros

O Azeite do Alentejo vai estar em destaque esta semana durante uma visita de bloggers …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *