Início / Agenda / Seminário “S+E=V: O caso das culturas arvenses”. Já se inscreveu? É gratuito

Seminário “S+E=V: O caso das culturas arvenses”. Já se inscreveu? É gratuito

O Seminário “S+E=V: O caso das culturas arvenses” realiza-se no próximo dia 9 de Outubro de 2018, às 14 horas, na Herdade dos Conqueiros, em Alvalade do Sado.

Este seminário é o terceiro de um ciclo de conferências organizado pela EDIA — Empresa de Desenvolvimento e Infra-Estruturas do Alqueva, Consulai, empresa líder em consultoria agrícola, e o Trevo e patrocinado pelo Banco Santander Totta e Agrogarante, intitulado “Criar valor na mudança 2018”.

Neste terceiro evento há a oportunidade de conhecer um dos “melhores exemplos de implementação de práticas em culturas arvenses na região do Alqueva. Para além disso, estarão presentes alguns dos intervenientes que mais têm contribuído para a crescente valorização da produção nacional com base na adopção de práticas sustentáveis e eficientes”, realça a Consulai.

Programa

14h00 – Check In

14h30 – Boas vindas

14h35 – Abertura – Organizadores | Patrocinadores | Câmara Municipal
15h00 Enquadramento – Bruno Caldeira | Consulai

15h30 O caso prático  – Rui Veríssimo Baptista | Conqueiros Invest
16h15 Mesa redonda “S+E=V: O caso das culturas arvenses”
Moderador: José Filipe Santos | EDIA
João Coimbra | ANPROMIS
José Palha | ANPOC
José Rafael | AGROINSIDER e UÉVORA
Ondina Afonso | Clube Produtores SONAE
Rui Veríssimo Baptista | CONQUEIROS INVEST

17h30 Networking

As inscrições estão abertas até ao próximo dia 07 de Outubro em www.alqueva-criarvalor.com.

É importante referir que as inscrições são obrigatórias, apesar de gratuitas, estando limitadas à lotação do auditório, frisa a organização do evento.

Agricultura e Mar Actual

Verifique também

Abertas inscrições para Formação Técnica de Cereais

A Anpoc — Associação Nacional de Produtores de Proteaginosas, Oleaginosas e Cereais, o INIAV – …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.