Início / Agricultura / Operação Campo Seguro 2023. GNR faz acções de sensibilização a condutores de tractores e máquinas agrícolas

Operação Campo Seguro 2023. GNR faz acções de sensibilização a condutores de tractores e máquinas agrícolas

A Guarda Nacional Republicana (GNR) informa que vai desenvolver a Operação Campo Seguro até ao dia 31 de Dezembro. O objectivo é intensificar o patrulhamento, fiscalização e sensibilização, nas explorações agrícolas e florestais em todo o território nacional, no intuito de prevenir a criminalidade em geral e os furtos em particular, bem como possíveis situações de tráfico de seres humanos.

Durante a operação, a GNR pretende sensibilizar a população em geral e a rural em particular, para a adopção de comportamentos a fim de prevenir eventuais ilícitos criminais, nomeadamente o furto de produtos agrícolas, o furto de cobre e outros metais não preciosos, situações de exploração do trabalho, relacionadas com o Tráfico de Seres Humanos (TSH) e ainda, para a utilização segura de veículos agrícolas e florestais, adianta a Guarda em comunicado.

Serão desencadeadas acções de sensibilização dirigidas aos utilizadores de tractores e máquinas agrícolas, com o “objectivo de fazer cumprir as regras de segurança e prevenir a ocorrência de acidentes na manobra de veículos/máquinas agrícolas e florestais”

Acidentes com tractores matam 47 em 2022

Atendendo ao número de acidentes que envolvem veículos agrícolas registados, de onde em 2022 se destacam 561 acidentes, com 47 vítimas mortais e 64 feridos graves, serão desencadeadas acções de sensibilização dirigidas aos utilizadores de tractores e máquinas agrícolas, com o “objectivo de fazer cumprir as regras de segurança e prevenir a ocorrência de acidentes na manobra de veículos/máquinas agrícolas e florestais”.

Nestas acções, a GNR vai aconselhar a não se esquecer da manutenção do veículo, uma vez que o mau funcionamento pode causar acidentes; a lembrar-se que as estruturas de protecção, como o arco de “Santo António”, podem evitar a morte do condutor ou reduzir a gravidade dos ferimentos; e que utilize os acessórios de iluminação e sinalização, de acordo com a lei.

Por outro lado, a GNR recomenda a frequência de acções de formação teóricas e práticas, conhecendo assim os riscos da condução de tractores e máquinas agrícolas e florestais; que não conduza sob o efeito de álcool, fadiga ou em velocidade não adequada às condições do veículo e à carga transportada; e que respeite os limites de carga e dimensão das máquinas e tractores agrícolas e florestais.

Avança o mesmo comunicado que, “no intuito de garantir que as diversas campanhas agrícolas decorram num clima de segurança, a GNR irá desenvolver acções de policiamento de proximidade e de fiscalização, empenhando militares de diferentes valências, nomeadamente, dos Comandos Territoriais, do Serviço de Protecção da Natureza e Ambiente, da Unidade de Segurança e Honras de Estado e da Unidade de Acção Fiscal”.

Para fazer face à criminalidade transfronteiriça, serão efectuadas acções de controlo e fiscalização do transporte de produtos agrícolas e florestais nos pontos de passagem da fronteira terrestre, em coordenação com a Guardia Civil, espanhola.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Viana do Castelo recebe comemorações oficiais do Dia da Polícia Marítima

Partilhar              A cidade de Viana do Castelo vai acolher, no próximo mês de Outubro, as Comemorações …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.