Início / Agenda / Projecto IDT Spin apresenta soluções de pulverização de precisão inteligente. Liderado pela Tomix

Projecto IDT Spin apresenta soluções de pulverização de precisão inteligente. Liderado pela Tomix

O pólo de inovação de Alcobaça do INIAV — Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária — Estação Nacional de Fruticultura Vieira Natividade — recebe, no próximo dia 20 de Julho, a sessão de encerramento do IDT Spin — Soluções de Pulverização de Precisão Inteligente que contará com apresentações em sala e demonstrações em campo da máquina desenvolvida pelo consórcio. Um projecto liderado pela Tomix – Indústria de Equipamentos Agrícolas e Industriais.

O IDT Spin, é um projecto que pretende desenvolver um pulverizador inovador para culturas arbóreo-arbustivas, através de uma solução completamente inovadora e disruptiva, tendo em conta a evolução do mercado mundial.

As inscrições são gratuitas mas obrigatórias, aqui. Programa aqui.

O projecto procura oferecer uma solução de pulverização distinta, diferenciada das convencionais actualmente disponíveis no mercado. Esta solução pretende contrariar a entrada de produtos de gama “premium” no mercado nacional, competir e sobrepor-se a estes no mercado internacional, impulsionando a estratégia de internacionalização da empresa líder, a Tomix.

Segundo os responsáveis pelo projecto IDT Spin, “o mercado mundial de maquinaria direccionada à aplicação de produtos fitofarmacêuticos tem vindo a sofrer algumas alterações, contudo insuficientes para responder às crescentes exigências ambientais, ecológicas e toxicológicas estabelecidas pela UE [União Europeia], pondo em causa o cumprimento das metas assumidas pelos estados-membros e o acesso a alguns mercados por parte dos produtores”.

Contaminação excessiva dos solos

E adianta que “parte da maquinaria disponível no mercado continua a ser responsável por aplicações incorrectas e desajustadas por parte dos produtores nacionais e internacionais, levando a contaminação excessiva dos solos, águas e atmosfera, excesso de resíduos nos produtos alimentares, maior risco de contaminação de operadores e indivíduos das áreas adjacentes às áreas agrícolas, maiores consumos energéticos e efeitos secundários graves que urje contrariar”.

​”Uma das acções recorrentes na agricultura é a aplicação de fitofármacos. Usualmente para a realização desta acção é utilizado um pulverizador acoplado a um tractor, onde as perdas por deriva podem chegar aos 80%. Os actuais pulverizadores existentes no mercado apresentam vários aspectos negativos, que são percepcionados pelos utilizadores em geral (agricultores) e que necessitam de ser melhorados no sentido de se atingir uma agricultura de precisão, inteligente e mais sustentável (mais ecológicos)”, dizem os mesmos responsáveis.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Oceanário de Lisboa tem bilhetes com 50% de desconto em semana de aniversário

Partilhar              O Oceanário de Lisboa, para assinalar o seu 26.º aniversário, traz a sua mascote Vasco, …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.