Início / Agenda / VinDouro de regressa a S. João da Pesqueira no Verão de 2023

VinDouro de regressa a S. João da Pesqueira no Verão de 2023

A VinDouro – Festa Pombalina/Wine & History celebrou 20 anos, em plena jornada de vindimas, com uma enchente de entusiastas e curiosos por vinhos e produtos de território. Foram milhares os que estiveram em S. João da Pesqueira no passado fim-de-semana, de  2 a 4 de Setembro, num evento que mostrou “os grandes argumentos do concelho que possui a maior área de vinhas na região classificadas como Património Mundial pela UNESCO”.

Um certame em que o Quevedo Vinho do Porto Tawny 40 Anos, elaborado pela Vinoquel – Vinhos Óscar Quevedo, arrecadou a “Grande Medalha de Ouro” no III Concurso de Vinhos “Douro em Prova”.

“Depois do sucesso desta edição que celebrou os 20 anos”, a VinDouro, uma organização do Município de S. João da Pesqueira, estará de regresso ao concelho “Coração do Douro” em 2023, garante a autarquia.

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, inaugurou oficialmente a VinDouro, tendo sido recebido pelos visitantes e participantes no evento. A ministra da Coesão Territorial, Ana Abrunhosa, também esteve presente em representação do Governo.

Na qualidade de cicerone, o presidente da Câmara Municipal de S. João da Pesqueira, Manuel Cordeiro, conduziu a comitiva de convidados pelo recinto principal da iniciativa, que contemplou a presença de dezenas de produtores de vinhos DOC Douro e Vinho do Porto.

O Mercado Pombalino recriou a tradicional venda de produtos locais, uma oportunidade de aquisição de produtos autóctones, que sabem verdadeiramente ao que são. A Feira das Actividades Económicas promoveu oportunidades de negócio na região, estabelecendo-se como uma plataforma extra de contactos.

Trajados a rigor, a lembrar a atmosfera do séc. XVIII e a importância que o Marquês de Pombal teve na demarcação e regulamentação do Alto Douro Vinhateiro, uma equipa de figuração de rua concretizou os sempre aclamados Cortejos Pombalinos.

O Jantar Pombalino, no cenário único do Palácio de Cidrô, teve autoria dos irmãos Óscar (chef) e António (sommelier) Geadas, do restaurante G-Pousada de Bragança, distinguido com estrela Michelin.

Quevedo Vinho do Porto Tawny 40 Anos ganha Ouro

No âmbito do certame, o Quevedo Vinho do Porto Tawny 40 Anos, elaborado pela Vinoquel – Vinhos Óscar Quevedo, arrecadou a “Grande Medalha de Ouro” no III Concurso de Vinhos “Douro em Prova” promovido no âmbito da VinDouro – Festa Pombalina. Venceu ainda na categoria “Vinhos Fortificados”.

O Quinta de Cidrô Marquis 2008, produzido pela Real Companhia Velha, foi eleito o “Melhor Vinho Tinto” e o Titan of Douro Vale dos Mil 2019, elaborado por Luis Leocádio, venceu o prémio de “Melhor Vinhos Branco”.

No total foram avaliados em prova cega, sem conhecimento prévio dos vinhos, um total de 94 amostras, apresentadas a concurso pelos produtores representados no evento. O painel de provadores atribuiu um total de nove medalhas de ouro, 32 medalhas de prata e 38 medalhas de bronze.

Os jurados foram Nuno Guedes Vaz Pires (director da Revista de Vinhos), Marc Barros (editor da Revista de Vinhos), Célia Lourenço (redactora da Revista de Vinhos), Manuel Moreira (sommelier da Revista de Vinhos) e António Magalhães (representante do Instituto dos Vinhos do Douro e Porto).

Concurso “Doce Coração do Douro”

Nesta edição da VinDouro foi ainda conhecido o grande vencedor do concurso “Doce Coração do Douro”, um desafio lançado pelo município a profissionais e amadores com o objectivo de encontrar a proposta que melhor representasse a doçaria tradicional de S. João da Pesqueira. Sendo o concelho o maior produtor de Vinho do Porto, esse foi o ingrediente obrigatório nas receitas apresentadas ao concurso do doce concelhio.

O primeiro lugar foi atribuído ao bolo húmido e esponjoso com calda de Vinho do Porto apresentado por Maria Gomes, do restaurante Toca da Raposa, e será a partir de agora apresentado como “Doce Coração do Douro”, estando já em curso um plano de promoção.

As provas cegas dos doces a concurso tiveram como jurados Carlos Sousa, com uma longa carreira dedicada à formação profissional na área da cozinha/restauração; Pedro Oliveira, proprietário do AquaHotel em Ovar, e docente universitário de gestão hoteleira; e João Paulo Magalhães, director de enoturismo da Quinta de Ventozelo e ex-formador na Escola de Hotelaria e Turismo do Douro.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Componentes em cortiça by Amorim ajudam a reduzir pegada de carbono dos pavimentos

Partilhar              Os componentes de cortiça NRT62 com e sem barreira de vapor by Amorim, produtos da …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.