Início / Agricultura / Vinalda vai passar a distribuir os vinhos do projecto XXVI Talhas

Vinalda vai passar a distribuir os vinhos do projecto XXVI Talhas

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A Vinalda vai passar a distribuir os vinhos do projecto XXVI Talhas, que dá continuidade à tradição ancestral de fazer “Vinho de Talha” em Vila Alva.

O projecto XXVI Talhas presta homenagem à tradição milenar da produção de Vinho de Talha, de forma natural, na pacata aldeia de Vila Alva. O projecto é encabeçado hoje pela filha e netos do Mestre Daniel, que produziu vinhos de talha durante 30 anos, e ainda o enólogo Ricardo Santos (Malo Wines e Quinta do Carneiro), com ligações afectivas ao projecto.

Mas porquê XXVI Talhas? Porque é o número de talhas que existem na adega onde se produz o vinho, com as marcas Vinho do Tareco (vinho novo da talha) e Mestre Daniel em homenagem ao carpinteiro que comprou a adega e as talhas há mais de 60 anos.

Adega volta a funcionar em 2018

O Mestre Daniel produziu nessa adega Vinho de Talha durante cerca de 30 anos, seguindo a tradição familiar que herdou de seus pais e avós. Após a sua morte seguiram-se ainda alguns anos de produção. Contudo, em 1990, a adega encerrou actividade. Em 2018, após quase trinta anos de interregno, a adega volta a funcionar, retomando a tradição local e familiar de produção de Vinho de Talha.

As vinhas são de sequeiro, com idades entre 20 a 50 anos e contêm castas do antigamente, que aí perduram, como Perrum, Diagalves, Manteúdo e Larião (brancas) e Tinta Grossa (tinta). Os solos são pobres, carregados de xisto e saibro e com relevos atípicos para a região. A proximidade da pequena serra do Mendro tem influência na temperatura, permite produzir vinhos com enorme identidade e personalidade.

Promover o Vinho de Talha

“O projecto XXVI Talhas surgiu com o objectivo de manter e promover o Vinho de Talha e, em particular, o vinho de Vila Alva, um dos principais centros desta tradição milenar. Para esta missão procuramos parceiros que consigam entender o que nos move e comunicar de uma forma clara e honesta a nossa identidade”, afirmam Daniel Parreira e Ricardo Santos.

“Acreditamos que a Vinalda, com o seu know how e posicionamento no mercado, é o parceiro ideal para fazer chegar os nossos vinhos a todo o território nacional e assim levar a tradição do Vinho de Talha a quem ainda não a conhece”, adiantam os mentores do projecto, acrescentando: “Estamos entusiasmados com esta parceria e motivados para fazer mais e melhor em conjunto com a Vinalda”.

José Espírito Santo, director-geral da Vinalda, destaca, por seu lado, que “quisemos disponibilizar aos nossos clientes Vinho de Talha, mas de um dos raros projectos verdadeiramente autênticos e genuínos”, salientando que este é “um projecto que apenas produz Vinho de Talha, mantendo a sua forma ancestral e natural de produção”.

Portefólio:

  • Mestre Daniel – Talha X Branco, Branco, Talha XV Tinto e Tinto;
  • Vinho do Tareco – Branco, Tinto e Palhete.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

Conserveira Pinhais comemora centenário a preservar receitas com 100 anos

Partilhar            A Pinhais comemora no dia 23 de Outubro 100 anos, período durante o qual pouco …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.