Início / Economia / Vendas no comércio a retalho crescem 3,5% em Fevereiro

Vendas no comércio a retalho crescem 3,5% em Fevereiro

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O Índice de Volume de Negócios no Comércio a Retalho passou de uma variação homóloga de 0,4% em Janeiro, para 3,5% em Fevereiro. Os índices de emprego, de remunerações e de número de horas trabalhadas ajustadas de efeitos de calendário apresentaram, no mês de referência, taxas de variação homóloga de 2,6%, 5,2% e 2,5%,
respectivamente (2,5%, 4,8% e -0,1% no mês anterior, pela mesma ordem), divulga o Instituto Nacional de Estatística (INE).

O índice de volume de negócios no comércio a retalho aumentou, em termos homólogos, 3,5% em Fevereiro, taxa superior em 3,1 pontos percentuais (p.p.) à observada no mês anterior. Os índices de ambos os agrupamentos considerados, Produtos alimentares e Produtos não alimentares, registaram acelerações de 3,2 p.p. e 2,9 p.p. em Fevereiro, para taxas de variação de 4,6% e 2,7%, respectivamente.

Comparando com mês anterior, o índice de volume de negócios no comércio a retalho registou um aumento de 2,7% em Fevereiro (variação de 5,2% no mês anterior).

Em termos nominais, o índice agregado apresentou um aumento homólogo de 1,1% em Fevereiro (-0,1% em Janeiro). Os agrupamentos Produtos Alimentares e Não Alimentares apresentaram variações homólogas de 3,1% e de -0,6%, respectivamente (1,4% e -1,3% no mês anterior).

Emprego

O índice de emprego no comércio a retalho apresentou, em Fevereiro, um aumento homólogo de 2,6% (variação de 2,5% em Janeiro).

A taxa de variação mensal do índice de emprego no comércio a retalho situou-se em -0,6% (-0,7% registada no mesmo mês de 2015).

Remunerações

O índice de remunerações no comércio a retalho registou um aumento de 5,2% (4,8% no mês precedente). Face ao mês anterior, o índice de remunerações diminuiu 1,2% em Fevereiro (variação de -1,7% no mesmo período de 2015).

Horas Trabalhadas

O volume de trabalho no comércio a retalho, medido pelo índice de horas trabalhadas ajustado de efeitos de calendário, aumentou, em termos homólogos, 2,5% em Fevereiro (variação de -0,1% no mês anterior). A taxa de variação mensal do índice de horas trabalha-das no comércio a retalho, ajustado dos efeitos de calendário, foi -2,1% (diminuiu de 4,5% no mesmo mês do ano anterior).

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

Portos dos Açores avança com reparação do molhe do Porto das Lajes do Pico

Partilhar            O Governo Regional dos Açores decidiu avançar com o procedimento, através da Portos dos Açores, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.