Início / Agenda / UTAD desafia especialistas a discutirem futuro do Ensino Agrário em Portugal

UTAD desafia especialistas a discutirem futuro do Ensino Agrário em Portugal

“Ensino Agrário em Portugal. Que futuro?”. É a pergunta que vai nortear a convenção promovida pela Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD) e que conta com o Alto Patrocínio do Presidente da República. Também outras instituições de ensino universitário, politécnico e profissionalizante, associações e empresas do sector agrário, órgãos nacionais de regulação do ensino e estudantes se juntam a esta iniciativa inédita. As conclusões serão apresentadas e discutidas a 17 de Março, numa sessão pública que terá lugar na academia transmontana.

“É a primeira vez que uma convenção deste género se realiza em Portugal, pelo que acreditamos que esta análise prospectiva será útil para o progresso do ensino agrário. Esta iniciativa será também indispensável para uma nova agenda do sector agrário, para um crescimento sustentável e para uma resposta aos desafios da segurança alimentar da população mundial, da proteção das florestas e de outros ecossistemas e da obstaculização dos efeitos das alterações climáticas”, sublinha José Luís Mourão, docente da UTAD.

A procura do ensino agrário por novos estudantes, o aumento da capacitação científica e técnica dos diplomados, a interacção entre o ensino e a investigação e o enquadramento dos diferentes níveis de ensino são os temas que, de modo holístico, vão ser estudados pelos grupos de trabalho até 17 de Março.

Aberta à comunidade, a sessão plenária decorrerá na UTAD e terá a presença de especialistas internacionais e membros do Governo.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Tetra Pak recebe pelo oitavo ano consecutivo a classificação “A” em transparência florestal

Partilhar              A Tetra Pak foi reconhecida pela sua liderança em transparência empresarial e desempenho florestal pela …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.