Início / Agricultura / UE pede: pesticida sulfoxaflor apenas em estufas permanentes para protecção das abelhas

UE pede: pesticida sulfoxaflor apenas em estufas permanentes para protecção das abelhas

A Comissão Europeia reitera o seu pedido aos Estados-membros para que “apoiem a sua proposta de limitar a utilização do pesticida sulfoxaflor às estufas permanentes, a fim de proteger os polinizadores”. O pedido voltou a ser feito hoje, 10 de Fevereiro, no âmbito dos seus compromissos no âmbito da Estratégia do Prado ao Prato e da Estratégia de Biodiversidade.

No último ano, a Comissão tem vindo a debater esta restrição de utilização com os Estados-membros, tendo em conta o potencial impacto adverso que a substância activa tem nas abelhas. Na ausência da maioria qualificada necessária, a Comissão decidiu remeter a proposta ao Comité de Recurso, a fim de honrar o seu compromisso tendo em vista a protecção dos insectos polinizadores, refere uma nota de imprensa da Comissão Europeia.

A substância activa sulfoxaflor é utilizada em insecticidas utilizados para controlo de várias pragas. Até agora tem sido um “parceiro” dos agricultores a controlar de forma eficaz os insectos sugadores que afectam as culturas fruteiras, hortícolas e ornamentais, nomeadamente afídeos, cochonilhas e mosca branca.

Em Portugal está homologado para controlo de afídeos e mosca branca em solanáceas (beringela, pimento, tomate), curcubitáceas e ornamentais, em estufa e ar livre; para controlo de cochonilhas e afídeos (Myzus persicae e Myzus cerasi) em prunóideas (cerejeira, pessegueiro, nectarina); para controlo de afídeos (E. lanigerum) e cochonilhas em pomóideas (macieira e pereira) e para controlo de afídeos e cochonilhas em citrinos.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

ASAE apreende mais de 4 toneladas de polvo em entreposto frigorífico em Coimbra

Partilhar              A ASAE — Autoridade de Segurança Alimentar e Económica apreendeu mais de 4 toneladas de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.