Início / Agricultura / Tudo o que deve saber antes de instalar uma estufa doméstica

Tudo o que deve saber antes de instalar uma estufa doméstica

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Artigo de opinião de Rosa Moreira, Eng.ª Agrónoma, promotora do site A Cientista Agrícola

Desengane-se se pensa que ter uma estufa é só para agricultores profissionais. Existem estufas para todos os tamanhos, materiais e bolsos. Neste artigo, vou dar-lhe conta de tudo o que deve saber antes de comprar/instalar uma estufa doméstica no seu terreno ou horta. Vamos a isso?

estufa

O que é uma estufa e para que serve

Um estufa é um “lugar” ou estrutura que é utilizado com o principal objectivo de permitir a acumulação e contenção de calor no seu interior, permitindo dessa forma manter a temperatura que existe no seu interior superior àquela que se verifica no exterior da mesma. Numa estufa a principal fonte de calor é a energia solar, condição essencial para a produção das suas culturas favoritas. O aquecimento desta estrutura ocorre sobretudo porque as correntes de convecção são suprimidas. Normalmente, o “material de cobertura” é semi-transparente e não ocorrem trocas de ar entre o interior e o exterior. A energia necessária entra na estrutura através da radiação solar, acabando por aquecer o ambiente interno não sendo perdida pelas correntes ascendentes que provocariam a dissipação do calor.

Normalmente, as pessoas adquirem uma estufa doméstica porque querem obter uma maior produção na área que têm disponível ou produzir certos hortícolas fora da época.

Tal como falei acima, as temperaturas mais elevadas que uma estufa proporciona permitem não só encurtar o ciclo produtivo de uma determinada cultura como também cultivar mais cedo do que era suposto.

Por outro lado e principalmente nas regiões onde as temperaturas são mais baixas, ter uma estufa permite proteger as culturas que nela estão a ser produzidas dos factores climatéricos mais adversos.

como construir uma estufa

Ter uma estufa trás também outras vantagens como por exemplo o uso mais eficiente da água da rega. Ao reduzir as perdas de água por evaporação do solo e através da transpiração das plantas, promoverá um uso mais equilibrado e sustentável da água de rega. Por outro lado, devido à rega nas estufas ser mais localizada, diminui a probabilidade de os nutrientes acabarem por ser “arrastados” além de que o risco de poluição das águas mais subterrâneas também diminui.

Por vezes, há quem compre uma pequena estufa doméstica para usá-la como local de propagação dos mais diversos tipos de plantas como por exemplo aromáticas ou culturas hortícolas. Pode também utilizar a sua futura estufa doméstico como uma espécie de abrigo temporário para proteger certos vasos de plantas de geadas ou chuvas intensas.

comprar estufa

Qual o local que devo escolher para instalar a minha estufa?

Em primeiro lugar, deve escolher um local que seja minimamente abrigado dos ventos mais fortes e que tenha uma boa exposição solar. Por essa razão, o ideal é que escolha um local se possível sem árvores ou arbustos para evitar “a sombra” e assim optimizar a luz solar que incide na sua estufa. Por outro lado, se escolher um local livre de árvores, eliminará o risco de que a possível queda de uma ramo possa danificar a estrutura.

No que ainda diz respeito aos ventos, é importante que tenha em atenção a direcção do vento de forma a orientar a sua estufa correctamente (esta deve ser orientada em direcção ao ventos predominantes).

O tamanho e a estrutura/forma da estufa escolhida depende também do espaço que tem para instalar a sua estufa doméstica e do dinheiro que pretende investir nesta estrutura. O ideal visto que estamos a falar de uma estufa doméstica é que tenha uma dimensão pequena/média para também não “ofuscar” o resto do terreno, culturas ao ar livre e elementos decorativos que lá possa ter.

Se pretender optar por uma estufa com uma estrutura em madeira saiba que lhe ficará mais barato, no entanto menos duradoura. Por outro lado, as estruturas em ferro galvanizado são como é óbvio mais caras mas bem mais resistentes. Fica ao seu critério consoante o seu gosto e orçamento.

comprar estufa

No que diz respeito ao material de cobertura da sua estufa doméstica saiba que esta pode ser em plástico ou em vidro. Como é óbvio, uma estufa em plástico é bem mais barata do que em vidro, no entanto tem um impacto ambiental superior.

As estufas de vidro são mais duradouras, no entanto, exigem estruturas e uma manutenção mais dispendiosa.

Como fazer a manutenção da sua estufa?

É importante que vá prestando atenção ao estado da estrutura e cobertura da sua estufa ao longo do tempo. Se a estrutura for em ferro, observe a possível ferrugem que aparecerá.

Presumindo que escolherá uma estufa de plástico, garanta que este fica sempre bem esticado e que é trocado no máximo em 5 anos.

Se optar por um sistema de rega gota a gota, que lhe permite uma poupança de água maior, deve ter em atenção e vigiar regularmente o estado dos gotejadores ( se estão partidos, “entupidos”, etc).

Crie pequenos caminhos de passagem dentro da estufa para permitir que se desloque e cuide das culturas mais facilmente.

estufa

Vá prestando atenção ao aparecimento de plantas infestantes nas culturas assim como material vegetal que esteja seco ou com algum vestígio de pragas ou doenças ( minimizando o foco de contaminação).

Para promover práticas agrícolas mais sustentáveis faça rotação de culturas para promover o enriquecimento de nutrientes do solo e garanta que o solo está bem preparado para receber a cultura que pretende instalar.

A ventilação é também um aspecto importante na sua estufa de forma a promover a circulação de ar. Por essa razão, garanta que a sua estufa tem aberturas laterais que para além de permitirem que o ar circule mais eficazmente evitam humidades e temperaturas demasiado altas, nada benéficas para as suas culturas. A humidade e temperaturas excessivas são um dos principais factores que promovem o aparecimento de problemas fitossanitários e a quebra de produtividade das culturas.

Compre algumas sensores simples para medir a temperatura e a quantidade de água no solo. O custo é reduzido e fará toda a diferença na sua estufa.

Espero que tenha gostado destas dicas adequadas a quem quer adquirir uma estufa e não sabe que aspectos ter em consideração!

Bons cultivos 🙂

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

Câmara Municipal lança aplicação de apoio às empresas do concelho com o lema “Compre em Barcelos”

Partilhar            A Câmara Municipal de Barcelos, através de uma parceria com a marca P.negócios.pt, vai disponibilizar …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.