Início / Agricultura / Symington acolhe primeiro encontro técnico da Primum Familiae Vini

Symington acolhe primeiro encontro técnico da Primum Familiae Vini

O coordenador eleito do recém-constituído Comité Técnico da Primum Familiae Vini (PFV), Charles Symington (director de produção da Symington Family Estates), acolheu nos dias 19 e 20 de Janeiro na Quinta do Bomfim (Pinhão) a primeira reunião técnica deste grupo de trabalho.

Estiveram presentes representantes de 8 das 12 produtoras familiares que constituem a PFV para debaterem temas ligados à viticultura sustentável, concretamente no contexto das alterações climáticas. Estiveram representados: Baron Philippe de Rothschild; Domaine Clarence Dillon (Château Haut-Brion); Família Torres; Famille Perrin; Joseph Drouhin, Marchesi Antinori, Vega Sicilia e os anfitriões — Symington Family Estates.

A jornada de dois dias teve como foco principal estudos realizados sobre a interacção e afinidades entre os porta-enxertos e as castas e, em particular, no que toca à resistência à seca, refere a Symington em comunicado. Os participantes identificaram a necessidade de prosseguir e aprofundar a investigação sobre a variabilidade intra-varietal como mecanismo de resistência aos stresses abióticos, ou seja, os impactos negativos sobre a vinha resultantes de temperaturas elevadas e escassez de água.

Charles Symington e as suas equipas de viticultura e enologia organizaram visitas de campo para os convidados tomarem conhecimento da armação da vinha em patamares (vinha de encosta), sistemas de drenagem e da colecção de castas da Quinta do Bomfim — campo ampelográfico com 29 castas. Visitaram também a moderna adega do Bomfim com os lagares de pisa automática, seguindo-se uma prova de vinhos brancos e tintos monovarietais produzidos pela Symington no Douro e na sua propriedade no Alentejo.

A associação PFV foi constituída em 1991 com a missão central de promover as tradições e os valores de produtores de vinho familiares, no intuito destes ideais sobreviverem e prosperarem em benefício de gerações futuras. Desde então, as famílias associadas alargaram o âmbito de colaboração, nomeadamente na partilha de conhecimento técnico para alavancar melhorias na viticultura e na qualidade do vinho, num cenário em rápida evolução.

O Comité Técnico da PFV reunirá anualmente para partilha e discussão dos trabalhos em curso de investigação e desenvolvimento de cada membro — em prol de todos os associados e para o avanço da vitivinicultura sustentável.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

ADVID promove workshop sobre racionalização da vinha de encosta. Participação gratuita

Partilhar              A ADVID — Associação para o Desenvolvimento da Viticultura Duriense/CoLAB Vines&Wines promove o workshop “Racionalização …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.