Início / Agricultura / Smurfit Kappa aposta na energia verde nas suas fábricas de cartão e papel

Smurfit Kappa aposta na energia verde nas suas fábricas de cartão e papel

A Smurfit Kappa, um dos maiores fabricantes integrados de embalagens à base de papel do Mundo, com operações na Europa e na América, está a apostar na instalação de painéis solares em todas as suas fábricas de papel e cartão de Espanha, Portugal e Marrocos, para produzir electricidade de forma individual para consumo próprio. Isto permitirá à empresa “ser mais eficiente e respeitadora do ambiente, dando mais um passo no seu firme objectivo de chegar à neutralidade climática em 2050”.

Deste projecto, já estão operacionais as placas solares das suas fábricas de cartão na Andaluzia, onde foi instalada uma potência nominal total de 4 MWp, o que representa deixar de emitir cerca de 2 400 toneladas de CO2 para o ambiente por ano, o equivalente às emissões anuais de 300 habitações ou mais de 500 veículos de passageiros, refere uma nota de imprensa da Smurfit Kappa.

Além disso, já está a projectar ou a instalar nas restantes fábricas de cartão canelado e papel da empresa na região. É o caso da fábrica de papel de Sangüesa, onde vai investir 6 milhões de euros na instalação de 12 000 painéis solares em terrenos adjacentes à fábrica. Estes painéis reduzirão as emissões de CO2 em mais de 3 200 toneladas anuais e gerarão mais de 12 GWh de energia por ano, o que reduzirá em 7% o atual consumo e dependência eléctrica de fontes externas. Esta central fotovoltaica associa-se à cogeração de biomassa (energia verde) já existente de 60GWh/ano.

A fábrica de Sangüesa é a única fábrica da Smurfit Kappa com produção de papel MG Kraft, uma solução de embalagem utilizada habitualmente nos mercados industrial e de consumo, em produtos como sacos de supermercado e papel para envolver. Entre os seus clientes figuram algumas das marcas mais importantes da Europa.

Rafael Sarrionandia, general manager da Smurfit Kappa Nervión e CEO da Kraft Specialties Spain, assegura que “estamos muito orgulhosos por ter podido realizar este importante investimento em painéis solares na nossa fábrica de papel de Sangüesa, o que nos permitirá gerar energia sustentável, reduzir o nosso consumo global de energia proveniente de fontes externas e diminuir as nossas emissões de CO2. Devido à envergadura deste projecto, a instalação dos painéis solares ficará concluída no final deste Verão, pelo que estamos desejosos de os ver já em marcha para reduzir a nossa pegada de carbono e sermos ainda mais sustentáveis”.

Por sua vez, Ignacio Sevillano, CEO da Smurfit Kappa Espanha | Portugal | Marrocos, acrescenta que “na Smurfit Kappa, investimos há anos em energias mais limpas e renováveis, como a fotovoltaica, para garantir o autoconsumo, o que nos ajuda a diminuir as nossas emissões de CO2 para atingir o nosso objectivo de emissões líquidas zero nos próximos anos. Um objectivo que faz parte do nosso programa Better Planet 2050, em que se mede o nosso compromisso com a sustentabilidade e a nossa intenção de reduzir o impacto no ambiente. Está nas nossas mãos mudar as coisas para poder legar um planeta melhor às gerações vindouras. E este é um grande passo para conseguir”.

Além disso, estas placas dotarão as instalações de uma maior protecção e isolamento, melhorando as condições climáticas do interior e reduzindo o consumo energético para aclimatá-lo.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Associação Empresarial da Póvoa de Varzim celebra 131 anos de existência

Partilhar              A AEPVZ — Associação Empresarial da Póvoa de Varzim assinalou, este sábado, o seu 131º …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.