Início / Mar / Aquacultura / Simbiose lança iniciativa de apoio ao sector aquícola ibérico com técnicas inovadoras de transformação do pescado

Simbiose lança iniciativa de apoio ao sector aquícola ibérico com técnicas inovadoras de transformação do pescado

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Chef António Alexandre

A Simbiose – Associação para a Promoção e Valorização dos Recursos Naturais e Tradicionais responde aos impactos da pandemia global sobre o sector da aquicultura ibérica, promovendo projecto de valorização do pescado.

Dando continuidade ao trabalho de investigação que tem vindo a ser elaborado pelo Chef Executivo António Alexandre e pela Bluegrowth, consultora de inovação tecnológica para os assuntos do mar, em torno do potencial do peixe fumado, a Simbiose estabelece linha de acção para apoiar os produtores na transformação, na promoção e no escoamento dos produtos de aquicultura sustentável.

Com a assinatura do Chef Executivo António Alexandre e o suporte técnico da Bluegrowth, a Simbiose lança iniciativa inédita que pretende dar a conhecer a paisagem através dos aromas do fumeiro tradicional

Estas acções compreendem a aplicação de técnicas inovadoras de transformação do pescado que procuram desafiar o palato com um processo de fumeiro que atribui ao pescado, notas aromáticas da inerentes às características da paisagem onde é produzido.

Produção sustentável e tendências

Conhecer uma paisagem pelos aromas do fumeiro, é o desafio que a Simbiose lança aos portugueses, perspectivando compreender, no curto prazo, quais as evoluções nas tendências de procura advindas da situação pandémica que vivemos. Segundo a Simbiose, é preciso lançar iniciativas que desafiem a produção sustentável, no entanto, é preciso que essas iniciativas estejam alinhadas com as evoluções das tendências de procura, motivadas pela situação pandémica que vivemos.

O surto do Covid-19 colocou o Mundo em alerta e a economia mundial numa profunda recessão, remetendo o futuro de inúmeras actividades económicas, de planos de negócio e de postos de trabalho para um clima de incerteza sem precedentes. Os fortes impactos no sector do turismo converteram o canal Horeca numa miragem para quem o servia. Estes impactos deixaram o sector da aquicultura à beira do colapso, perspectivando-se uma recuperação lenta e incerta.

Como em qualquer produção animal, a aquicultura exige um trabalho contínuo, 365 dias por ano, durante as 24 horas diárias, exigindo o fornecimento de energia, de oxigénio, de ração e de mão-de-obra para manter os “stocks” vivos. Parar não é uma opção. Tornou-se claro para a Simbiose que tinha de actuar no sentido de apoiar os produtores na adaptação dos seus produtos às circunstâncias actuais de mercado.

Este desafio, levará ao desenvolvimento de novos produtos, à adaptação das estratégias de promoção e comercialização à nova realidade imposta pela situação de saúde pública que afecta o Mundo.

Neste quadro, aliando a criatividade do Chef António Alexandre com a experiência da Bluegrowth, a Simbiose estabelece um roadmap de acções que visam promover o consumo de produção nacional, estreitar a relação entre produtores e consumidores e apoiar a cadeia de valor do pescado na transição digital, tendo por base a valorização do pescado de aquicultura.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

5 Truques básicos para cuidar correctamente da relva no Verão

Partilhar            Artigo de opinião de Rosa Moreira, Eng.ª Agrónoma, promotora do site A Cientista Agrícola Agora …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.