Início / Agricultura / Sector das flores tem linha de crédito bonificado de 20 milhões de euros

Sector das flores tem linha de crédito bonificado de 20 milhões de euros

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O Governo aprovou hoje, 17 de Setembro, em Conselho de Ministro, o decreto-lei que cria uma linha de crédito, com juros bonificados, no montante global de 20 milhões de euros, dirigida aos produtores de flores de corte e plantas ornamentais, para fazer face às dificuldades enfrentadas por estes, decorrentes da actual situação que o País enfrenta causada pela Covid-19.

Esta linha de crédito bonificada é concedida por um prazo de quatro anos e o montante total de empréstimo, por beneficiário, é de 20 mil euros.

Taxa de bonificação de 80%

“Neste contexto, pretende-se disponibilizar aos produtores do sector, a custos reduzidos, os meios financeiros necessários à manutenção da actividade, que lhes permita a liquidação ou renegociação de dívidas, junto de fornecedores de factores de produção, de instituições de crédito ou demais entidades habilitadas por lei à concessão de crédito”, refere o comunicado do Conselho de Ministros.

O montante individual de crédito de 20 mil euros, por beneficiário, traduz-se no valor máximo de subvenção dada aos juros, correspondendo a uma taxa de bonificação de 80%.

“Esta é uma medida que visa criar condições de tesouraria para a retoma de um sector muito importante e que não utiliza outros recursos de apoio e foi muito afectado por esta pandemia”, esclarece a ministra da Agricultura, Maria do Céu Antunes.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

Carne Ramo Grande dos Açores reconhecida como Denominação de Origem a nível nacional

Partilhar            A Secretaria Regional da Agricultura e Florestas informa que foi conferido à Carne Ramo Grande …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.