Início / Agricultura / Secretário Regional da Agricultura dos Açores: falha no acordo da reforma da PAC “abre a possibilidade de poder haver mais um ano de transição”

Secretário Regional da Agricultura dos Açores: falha no acordo da reforma da PAC “abre a possibilidade de poder haver mais um ano de transição”

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O secretário Regional da Agricultura e Desenvolvimento Rural dos Açores, António Ventura, está preocupado por não ter sido possível chegar-se, a nível europeu, a um acordo da Política Agrícola Comum (PAC), temendo que esta situação “abre a possibilidade de poder haver mais um ano de transição”, o que, em seu entender “levanta várias dúvidas”, desde logo o apoio dos fundos comunitários.

O governante, que falava à saída de uma reunião com a direcção da Associação Agrícola de São Miguel, hoje, na Ribeira Grande, vê com “preocupação e apreensão” esta situação e espera que isto não seja “uma renacionalização encapotada da PAC, ou seja uma tendência de dar liberdade aos Estados-Membros para apoiarem os seus agricultores sem haver uma bitola europeia”.

Tal cenário, advoga, só “vai agravar o fosso entre os pobres e os ricos”, pois tal irá prejudicar países, como Portugal e essencialmente, as Regiões Ultraperiféricas, como são os Açores.

António Ventura espera, assim, que em Junho, a nova data anunciada, seja finalmente atingido um acordo.

“Não se pode produzir sem segurança, segurança política, de planeamento e orientação, pois a imagem transmitida neste momento é de uma imagem de insegurança e incerteza relativamente ao futuro”, sublinhou o secretário Regional da Agricultura e Desenvolvimento Rural.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •   
  •   
  •   
  •  

Verifique também

Cebal regressa com programa itinerante de valorização do cardo na produção do queijo. Nisa e Portalegre na agenda

Partilhar              O Centro de Biotecnologia Agrícola e Agro-Alimentar do Alentejo (Cebal) está de regresso com uma …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.