Início / Featured / Ricardo Serrão Santos debate papel da arte e da ciência na Conferência Bauhaus do Mar

Ricardo Serrão Santos debate papel da arte e da ciência na Conferência Bauhaus do Mar

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O ministro do Mar, Ricardo Serrão Santos, debateu o conceito de reconciliação da Humanidade com o oceano na conferência Bauhaus do Mar, que decorre a 20 e 21 de Setembro, em Veneza, Itália. “O nosso modo de vida nas cidades e nos espaços terrestres entrou em guerra com os nossos mares. Temos de inverter essa maré, imaginando o mundo oceânico através da arte e da ciência”, afirmou Ricardo Serrão Santos.

O ministro do Mar participou naquela que é a segunda etapa de um movimento nascido em Lisboa, no âmbito do “Novo Bauhaus Europeu”, um programa da Comissão Europeia para concretizar o Pacto Ecológico Europeu e a cujos projectos mais meritórios vai alocar um envelope de 85 milhões de euros, em 2021-2022, segundo um comunicado de imprensa do Gabinete do Ministro do Mar.

“A ideia fundamental do “Novo Bauhaus Europeu” é trazer a dimensão da fruição, sustentabilidade e inclusão à vida quotidiana. Na verdade, uma parte fundamental do trabalho do Ministério do Mar português é exactamente criar uma relação próxima e quotidiana com o oceano, que tenha este enfoque na sustentabilidade e conectividade, produtividade e saúde”, acrescentou Ricardo Serrão Santos.

“Fazer as pazes com o Mar”

No painel “Fazer as pazes com o Mar” participaram Nuno Nunes, professor do Instituto Superior Técnico e um dos criadores do movimento em Lisboa, Gyna Gylver, jovem activista ambiental norueguesa que pertence à organização não-governamental Nature and Youth e especialistas em arquitectura, design e ciência oceânica.

“Há um caminho claro que temos vindo a traçar em Portugal no âmbito da educação e da cultura, com iniciativas como a Escola Azul, que transformou a relação de cerca de 35 mil jovens com o mar. Estamos cada vez mais conscientes da nossa ligação emocional com o oceano e este é um passo poderoso, que é também central na nova Missão Horizonte Europa Starfish sobre oceanos saudáveis”, exemplificou o ministro do Mar.

Recordando que Portugal tem tido um papel de relevo na diplomacia oceânica, nomeadamente no apoio à criação do Objectivo de Desenvolvimento Sustentável 14, dedicado aos oceanos, na Agenda 2020 da ONU, o ministro Ricardo Serrão Santos convidou todos a participarem na Conferência das Nações Unidas para os Oceanos, em Lisboa, em 2022, co-organizada com o Quénia.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •   
  •   
  •   
  •  

Verifique também

Maria do Céu Antunes: “agricultura familiar tem desempenhado um papel fundamental e insubstituível na promoção da Dieta Mediterrânica”

Partilhar              O Dia Mundial da Alimentação celebra-se hoje, 16 de Outubro. E a ministra da Agricultura, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.