Início / Agricultura / Regularizada situação dos inspectores sanitários nos matadouros

Regularizada situação dos inspectores sanitários nos matadouros

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A situação dos inspectores sanitários com contratos de avença está regularizada e está normalizado o número de abates de animais nos matadouros nacionais, informou o Ministério da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural.

Foi já obtido o parecer prévio favorável do Ministério das Finanças à celebração de um contrato de avença com 20 médicos veterinários que desempenharão as funções de inspectores sanitários, garantindo dessa forma o normal funcionamento dos matadouros e centros de abate.

O Ministério da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural garante que toda a carne colocada no mercado nacional está devidamente inspeccionada pelos inspectores sanitários oficiais.

“A situação em causa apenas determinou, em casos pontuais, uma ligeira redução do número de abates que, como se sabe, são realizados na presença dos inspectores sanitários”, diz o Ministério.

Está igualmente assegurado o escoamento da produção nacional por via da programação de abates, que desta forma não sofre alterações.

Concurso para inspectores

Estes inspectores sanitários vêm preencher vagas que serão submetidas a concurso público de admissão, num processo que está já em andamento.

Num universo de cerca de 300 médicos veterinários, estiveram temporariamente em falta 20, uma vez que os contratos de avença através dos quais estavam ligados ao Ministério expiraram a 31 de Março, tendo sido o processo de renovação dos mesmos sido desencadeado no início do mesmo mês e encaminhado para Ministério das Finanças para obtenção de parecer prévio.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •   
  •   
  •   
  •  

Verifique também

Ministra da Agricultura inaugura reabilitação do Aproveitamento Hidroagrícola da Camba

Partilhar              A ministra da Agricultura, Maria do Céu Antunes, e o secretário de Estado da Agricultura …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.