Início / Agricultura / Região Autónoma da Madeira já tem seguros agrícolas disponíveis

Região Autónoma da Madeira já tem seguros agrícolas disponíveis

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O Governo Regional da madeira informa que já foi publicado no Jornal Oficial da Região a portaria referente aos seguros agrícolas. “Uma ambição há muito reivindicada pelos agricultores e que agora é uma realidade”, salienta o Executivo madeirense.

O seguro, o mais abrangente em território nacional, irá cobrir, a partir de agora, fenómenos climáticos adversos como chuvas fortes, ventos fortes, granizo e incêndios na Madeira.

Para o secretário regional de Agricultura e Pescas, Humberto Vasconcelos, esta é uma medida que se reveste de grande importância na medida em que vai garantir sempre um rendimento ao agricultor em caso de intempérie. “Trata-se de uma medida importante e que o Governo Regional sempre encarou como sendo uma prioridade”, disse o secretário da tutela.

Suportado pelo PRODERAM

O seguro será suportado pelo PRODERAM, em 62% caso se trate de um seguro individual e 65% caso seja um seguro colectivo, como por exemplo, realizado por uma associação de agricultores. O agricultor apenas paga o que não é suportado pelos fundos comunitários.

Os apoios previstos na portaria visam incentivar a competitividade da agricultura, dinamizar a utilização de seguros agrícolas, promover a gestão de risco na agricultura e compensar e minimizar as perdas provocadas por fenómenos climáticos adversos, sobre o rendimento da actividade agrícola.

Pode consultar a portaria dos seguros agrícolas aqui.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

Brigada de Sapadores Florestais da CIMAT realiza trabalhos de limpeza em Boticas

Partilhar            A Brigada de Sapadores Florestais da Comunidade Inter-municipal do Alto Tâmega (CIMAT) realizou trabalhos de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.