Início / Agenda / Quinta da Alorna leva jantar vínico a Alcochete na INFusão de Sabores

Quinta da Alorna leva jantar vínico a Alcochete na INFusão de Sabores

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A Quinta da Alorna, produtor da região do Tejo com quase 300 anos, apresenta no dia 8 de Abril um jantar vínico na INFusão de Sabores, em Alcochete. A experiência tem início às 20 horas com um menu de inspiração nacional combinado com as grandes referências da Quinta da Alorna.

Na abertura, Tártaro de salmão, Crepes de legumes, Carpaccio de novilho e Mexido de espargos são acompanhados por Quinta da Alorna Rosé, um vinho de cor rosa suave, monovarietal de Touriga Nacional. Segue-se um surpreendente Puré de beterraba com gengibre que harmoniza na perfeição com Quinta da Alorna Verdelho, um vinho de cor amarela citrinoe um aroma limonado.

Para combinar com o prato de peixe – Embrulhos de peixe com esparregado, arroz selvagem e salada – a sugestão recai no Quinta da Alorna Reserva Alvarinho & Viognier, um vinho estruturado e com bom equilíbrio entre a acidez e a frescura. O prato de carne – Costeletas de Borrego ao forno com batatas noisette e salada de ervilhas – acompanha com Quinta da Alorna Reserva Touriga Nacional & Cabernet Sauvignon, um vinho com aroma intenso a violetas e groselha.

Pannacota de frutos vermelhos

Para finalizar o chef apresenta uma Pannacota de frutos vermelhos conjugada com Quinta da Alorna Colheita Tardia Tinta Miúda, um vinho com uma textura cremosa e aromas florais.

Os lugares para o jantar são limitados e é necessário efectuar reserva.

Para mais informações: INFusão de Sabores, infusaodesabores@gmail.com,  212 342 207 ou 966 290 269.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

Limitação da circulação entre concelhos. Posso ir trabalhar? Os turistas podem circular? Saiba tudo aqui

Partilhar            O Governo determinou a limitação de circulação entre diferentes concelhos do território continental no período …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.