Início / Agricultura / Projecto OakFood mapeia produtores de bolota em Portugal. Quer responder ao inquérito?

Projecto OakFood mapeia produtores de bolota em Portugal. Quer responder ao inquérito?

O projecto OakFood — Valorização integrada da bolota como matéria-prima portuguesa para produtos alimentares diferenciadores — pretende o desenvolvimento de uma estratégia integrada para a viabilidade da bolota como matéria-prima para o desenvolvimento de produtos de valor acrescentado, enquanto alternativa sustentável e de cadeia curta, para a indústria alimentar. No âmbito deste projecto está prevista a criação de uma rede de produtores de bolota em Portugal continental, estando a ser desenvolvido um mapeamento de todos os potenciais produtores nacionais com áreas de quercíneas (montados e/ou carvalhais).

Aos produtores, os responsáveis pelo OakFood agradece “a atenção disponibilizada” e pede o preenchimento de um questionário, disponível aqui.

Há décadas que em Portugal a bolota é usada maioritariamente para alimentação de suínos, tendo, no entanto, um enorme potencial de integração na Dieta Mediterrânica devido à sua rica composição nutricional em amido, proteína, lípidos não saturados, vitaminas e compostos antioxidantes, refere uma nota de imprensa do projecto OakFood.

E adianta que as principais tendências têm alavancado a procura por novas soluções para aumentar a quota de mercado associada ao consumo de produtos agroalimentares portugueses, em particular à utilização de matérias-primas pouco exploradas na alimentação humana. Ao mesmo tempo incentivam o aumento do valor das exportações, promovendo o conceito de economia circular e a utilização e produção de alimentos saudáveis e sustentáveis.

No entanto, a tendência actual ainda é comprovada pelos números: pelo menos 55% do total de bolotas produzido é desperdiçado, sendo o restante utilizado para alimentação animal e menos de 1% é direccionada para fins comerciais (como a produção de farinha).

“Devido à vasta extensão do Montado, que cobre cerca de 3 milhões de hectares na Península Ibérica, existe uma clara oportunidade de mapear a distribuição de bosques produtores de bolota, identificar os actores da cadeia de valor e estabelecer uma rede de contactos para conectá-los. Ao promover a bolota enquanto ingrediente para a produção de alimentos saudáveis e sustentáveis pretende-se garantir a sustentabilidade ambiental, económica e social da cadeia de valor e uniformizar o conhecimento entre os diferentes actores”, acrescenta a mesma nota.

Este é um projecto de investigação e inovação financiado no âmbito do Programa de Recuperação e Resiliência (PRR) – Investimento RE-C05-i03 – Agenda de investigação e inovação para a sustentabilidade da agricultura, alimentação e agroindústria, Aviso n.º 15/C05-i03/2021 Projetos I&D+i – Promoção dos produtos agroalimentares portugueses, suportada pelo orçamento do PRR Português e pelos Fundos Europeus NextGenerationEU (PRR-C05-i03-I-000200).

Saiba mais sobre o projecto OakFood aqui.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Já são conhecidos os vencedores do Prémio Nacional de Enoturismo 2024

Partilhar              A gala da terceira edição do Prémio Nacional de Enoturismo Apeno/Ageas Seguros 2024, considerado o …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.