Início / Mar / Ambiente / Presidência Europeia. Reunião de Directores Marinhos debate envolvimento das pescas para um melhor estado ambiental dos oceanos

Presidência Europeia. Reunião de Directores Marinhos debate envolvimento das pescas para um melhor estado ambiental dos oceanos

A Direcção-Geral de Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos (DGRM), através do seu director-geral, José Simão, presidiu à reunião de Directores Marinhos no âmbito da Presidência Europeia.

José Carlos Simão

Participaram na reunião a Comissão Europeia, os vários Estados-membros e representantes de várias direcções-gerais da Comissão Europeia: Assuntos Marítimos e Pescas, Ambiente e Clima. Participaram ainda representantes de várias convenções regionais, destacando-se pela sua importância geográfica, a Convenção para a Protecção do Meio Marinho do Atlântico Nordeste (OSPAR).

A revisão da Directiva-Quadro Estratégia Marinha (DQEM) foi um dos pontos mais importantes em discussão, que levará em linha de conta a avaliação realizada em 2020 sobre o bom estado ambiental do oceano, realizado por todos os Estados Membros no âmbito das obrigações de Estado relativamente a esta directiva.

O processo de revisão foi amplamente debatido pelos Estados-membros e a Comissão Europeia explicou como está a analisar e avaliar a execução da DQEM no ciclo anterior e os resultados obtidos, devendo propor a sua revisão no sentido de a tornar mais ágil, mais eficaz e abrangente, devendo igualmente a directiva sofrer uma grande evolução ao nível dos descritores ambientais, das monitorizações obrigatórias e dos critérios aplicáveis.

Conservação dos recursos pesqueiros

O Plano de Acção para a conservação dos recursos pesqueiros, a protecção dos ecossistemas marinhos e as Áreas Marinhas Protegidas (AMP’s) foram também pontos da maior importância na sessão, ficando patente a necessidade e a vontade dos Estados Membros para uma maior articulação dos Directores Marinhos com os Directores de Pesca.

Foram também abordados os principais instrumentos de financiamento para o próximo quadro de apoio, designadamente projectos possíveis para o FEAMPA e LIFE. Houve ainda espaço para a apresentação e debate dos planos de recuperação e resiliência dos vários Estados-Membros, com especial incidência nos aspectos da Economia Azul.

A reunião decorreu nos dias 14 e 15 de Junho e contemplou também, como é hábito, uma componente relativa aos directores da água, competência da responsabilidade da Agência Portuguesa do Ambiente, cujos trabalhos decorreram sob coordenação do seu presidente.

Agricultura e Mar Actual

 
       
   
 

Verifique também

III Fórum Smart Farm Anipla debate alimentos seguros, agricultura e tecnologia

Partilhar              A Anipla — Associação Nacional da Indústria para a Protecção das Plantas organiza o III …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.