Início / Mar / Ambiente / Prémio Mário Ruivo. Gerações Oceânicas. Abertas candidaturas

Prémio Mário Ruivo. Gerações Oceânicas. Abertas candidaturas

A 4ª edição do Prémio Mário Ruivo – Gerações Oceânicas, dirigida a jovens entre os 14 e os 21 anos, tem candidaturas abertas. O Prémio visa reforçar a consciencialização sobre a relação crucial entre o Oceano e o clima e continuar a homenagear o legado de Mário Ruivo, pioneiro na defesa do Oceano e no lançamento das temáticas ambientais em Portugal, figura inspiradora na protecção e conhecimento do mar português.

Os jovens ‘cineastas’ podem concorrer individualmente ou em equipa, com filmes com a duração máxima de sete minutos que foquem a temática “O Oceano e as Alterações Climáticas” e que serão avaliados em quatro categorias: Mensagem, Criatividade, Cultura Científica e Futuro.

O mote da edição deste ano do Prémio Mário Ruivo destaca o nexus Oceano-Clima: o sequestro de carbono, o aumento do nível do mar, a regulação climática, o impacto na biodiversidade, o impacto humano e eventos climáticos extremos são alguns dos factores que fazem parte desta estreita relação e interdependência entre o Oceano e o sistema climático terrestre, crucial para compreender e abordar as alterações climáticas e que poderão servir de inspiração aos jovens realizadores.

As candidaturas vencedoras recebem um valor de 2.000 euros por cada categoria, sendo possível que esse valor seja repartido entre candidaturas no caso de haver empate. Em cada categoria pode ser atribuída uma menção honrosa sem atribuição de qualquer montante monetário.

A organização desta iniciativa é da responsabilidade da Comissão Organizadora do Prémio (COP), coordenada pela Direcção-Geral de Política do Mar, que integra ainda o Instituto Português do Mar e da Atmosfera, a Estrutura de Missão para a Extensão da Plataforma Continental, a Cinemateca Portuguesa, a Fundação para a Ciência e Tecnologia, a Direcção-Geral de Educação e a Agência Portuguesa do Ambiente.

Saiba mais sobre o Prémio Mário Ruivo – Gerações Oceânicas e inscreva-se aqui.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Tem porcos? Declaração obrigatória de existências tem de ser feita até 31 de Agosto de 2024

Partilhar              A DGAV — Direcção-Geral de Alimentação e Veterinária informa que no mês de Agosto de 2024, …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.