Início / Agricultura / Preço do trigo ainda está próximo dos mínimos plurianuais

Preço do trigo ainda está próximo dos mínimos plurianuais

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O preço do trigo ainda está próximo de mínimos plurianuais, mas permanece perto da barreira psicológica de 400 cêntimos por bushel. Segundo o mais recente relatório sobre matérias-primas preparado pelos analistas da XTB, “nos últimos tempos tem-se verificado uma grande liquidação em todos os mercados de cereais, mas apenas o trigo não aproveitou a oportunidade para encetar uma recuperação”.

Aqueles analistas consideram que, tendo em conta a sazonalidade, “importa notar que já se ultrapassou a colheita de primavera de trigo e que, analisando os anos anteriores, o trigo recuperou frequentemente no início do Outono, coincidindo com o começo do período de comércio da matéria-prima. De facto, em termos estatísticos apenas em Abril o trigo registou subidas semelhantes a Setembro e Outubro”.

A XTB acrescenta que o mercado enfrenta ainda um excesso de oferta, mas salienta que “vale a pena relembrar os problemas ocorridos na produção de trigo no continente Europeu devido a condições climatéricas pouco propícias. Esta situação poderá representar uma excelente oportunidade para os EUA. Os dados da USDA revelam já melhores perspectivas para as exportações. Apesar das exportações previstas para o final da época terem crescido significativamente desde o começo deste ano, o preço do trigo encontra-se estabilizado em valores próximos de mínimos plurianuais”.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

João Ponte: “vitivinicultura assume-se cada vez mais como o motor da economia da Ilha do Pico”

Partilhar            O sector da vitivinicultura “assume-se, cada vez mais, como um dos principais motores da economia …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.