Início / Agricultura / Preço da cortiça cai 10% no Alentejo com mão-de-obra a aumentar entre 1 a 2 euros por arroba
Foto: APCOR

Preço da cortiça cai 10% no Alentejo com mão-de-obra a aumentar entre 1 a 2 euros por arroba

As cotações da cortiça mais frequentes na área de mercado do Alentejo apresentam uma diminuição de 5% a 10%, em relação à campanha anterior, com os custos de mão-de-obra a aumentaram entre 1 a 2 euros por arroba, revela a análise do SIMA – Sistema de Informação de Mercados Agrícolas, relativa à semana de 28 de Junho a 4 de julho de 2021.

Na semana em análise, as cotações registadas de cortiça amadia na árvore (extracção por conta do comprador) foram de 22€/15kg na área de mercado do Alentejo, enquanto as cotações de cortiça amadia na pilha (extracção e empilhamento por conta do produtor) variaram entre 28€/15kg na área de mercado do Alentejo e 30€/15 kg na área de mercado do Ribatejo e Península de Setúbal.

Comércio internacional

Refere ainda a análise do SIMA que, comparando os dados do comércio internacional do sector da cortiça no período de Janeiro a Abril de 2021 com o período homologo de 2020, é possível verificar que o saldo comercial português apresentou uma variação positiva de 6% em peso e de 1,4% em valor monetário.

Todas as cotações aqui.

Agricultura e Mar Actual

 
       
   
 

Verifique também

Aprolep pede ao Governo “palavra forte junto da indústria e distribuição” para aumento imediato do preço do leite pago ao produtor

Partilhar               A direcção da Aprolep — Associação dos Produtores de Leite de Portugal diz ser …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.