Início / Agricultura / Portugal foi o Estado-membro com a maior redução de vendas de fitofármacos. Queda de 43% entre entre 2011 e 2018

Portugal foi o Estado-membro com a maior redução de vendas de fitofármacos. Queda de 43% entre entre 2011 e 2018

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O grupo ‘Fungicidas e bactericidas’ foi o grupo de pesticidas mais vendido na UE em 2018

O Eurostat, serviço de estatística da União Europeia, publicou mais um “Indicador agroambiental — Consumo de Pesticidas”, relativo ao período de 2011 a 2018. E revela que Portugal foi o Estado-membro com a maior redução de vendas e uso destes produtos, registando uma queda de 43%.

O grupo ‘Fungicidas e bactericidas’ foi o grupo de pesticidas mais vendido na UE em 2018. Entre os Estados-membros, Alemanha, Espanha, França e Itália registaram mais de dois terços do volume total de vendas de pesticidas, tanto em 2011 como em 2018. Estes países representam 51% da área agrícola total utilizada e 49% da terra arável total da União Europeia.

Durante o período em análise, as vendas de pesticidas permaneceram mais ou menos estáveis, em cerca de 360.​​000 toneladas por ano na UE.

Mas, o Eurostat salienta que apenas em 14 Estados-membros existem dados completos disponíveis para todos os principais grupos de produtos, entre 2011 e 2018. O maior aumento nas vendas de pesticidas foi registado no Chipre (+ 94%), seguido pela Áustria (+ 53%), França (+ 39%) e Eslováquia (+ 38%).

A maior queda foi registada em Portugal (-43%), seguida pela Irlanda (-28%) e República Checa (-27%).

De realçar que, nos últimos anos, muitas das substâncias mais perigosas tiveram a sua autorização não renovada, o que levou à sua retirada do mercado.

Os mais vendidos

O Eurostat apresenta ainda os produtos vendidos por categorias, o que permite constatar que em 2018 os maiores volumes de vendas se registaram nos ‘Fungicidas e Bactericidas’ (45%), seguidos de ‘Herbicidas’ (32%) e de ‘Insecticidas e Acaricidas’ (11 %).

Em 2018, a maior parte dos ‘fungicidas e bactericidas’ vendidos na UE foram os fungicidas inorgânicos. Estes são compostos de cobre, enxofre inorgânico e outros fungicidas inorgânicos. Mais da metade (53,1%) de todas as vendas de fungicidas foram inorgânicos. Compostos de cobre e enxofre que são também permitidos para uso na agricultura biológica.

Pode ler o documento completo aqui.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

Cotações – Aves e Ovos – Informação Semanal – 29 Junho a 5 Julho 2020

Partilhar            Análise SIMA – Sistema de Informação de Mercados Agrícolas Aves Na semana em análise, as …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.