Início / Agenda / Portugal e Espanha pedem à UE que active medidas para atenuar efeitos da seca na agricultura e pecuária

Portugal e Espanha pedem à UE que active medidas para atenuar efeitos da seca na agricultura e pecuária

Os ministros da Agricultura de Portugal e Espanha vão pedir à União Europeia que active medidas para atenuar os efeitos da seca. O anúncio foi feito pelo ministro da Agricultura, Pescas e Alimentação de Espanha, Luis Planas, que destacou “a situação preocupante que atravessam as explorações agrícolas do Sul da Europa, fruto da seca e a que se soma o aumento dos custos de produção”.

Por isso, “Espanha vai solicitar, juntamente com Portugal, que o Conselho de Ministros da União Europeia, cuja reunião terá lugar no próximo dia 21 de Fevereiro, active medidas para atenuar estas dificuldades que afecta especialmente o sector pecuário”, refere uma nota de imprensa do Ministério da Agricultura espanhol.

Segundo a mesma nota, Espanha solicitará ao Conselho que avalie a possível aplicação de medidas como a prorrogação da antecipação dos pagamentos directos e de desenvolvimento rural, a aplicação da cláusula de força maior em relação a certas disposições da Política Agrícola Comum (PAC) ou a implementação de medidas para compensar os agricultores pela situação de seca.

Agrifish a 21 de Fevereiro

A próxima reunião do Agrifish – Conselho Europeu de Agricultura e Pescas realiza-se a 21 de Fevereiro, em Bruxelas, e terá como temas a importação de produtos não associados à desflorestação; agricultura, comércio e Pacto Ecológico Europeu.

Na reunião, os ministros da Agricultura realizarão um debate sobre a proposta de regulamento relativo aos produtos não associados à desflorestação, apresentada pela Comissão. A proposta enfrenta a desflorestação e a degradação florestal causadas pela produção de produtos de base (como o café, a soja e a madeira) que a UE importa de outros países. A nova legislação visa reduzir o impacto da UE na desflorestação, contribuindo assim para combater as alterações climáticas e proteger a biodiversidade.

Por outro lado, os ministros procederão a uma troca de pontos de vista sobre as formas de melhorar a coerência entre a política agrícola e a política comercial, a fim de dar um melhor contributo para os objectivos do Pacto Ecológico Europeu. Os resultados do debate orientarão os trabalhos da Comissão sobre a futura legislação relativa à aplicação de regras sanitárias e ambientais em matéria de produtos agroalimentares.

Os ministros debaterão ainda a situação actual do mercado, fazendo referência específica aos produtos agrícolas.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Suinicultores preocupados e perplexos face ao ‘desaparecimento” da Secretaria de Estado da Agricultura

Partilhar              A direcção da FPAS — Federação Portuguesa de Associações de Suinicultores expressa a sua “preocupação …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.