Início / Featured / Porto de Leixões considerado o mais eficiente porto a nível nacional
Porto de Leixões

Porto de Leixões considerado o mais eficiente porto a nível nacional

O Porto de Leixões, de acordo com a classificação do CCPI – Container Port Performance Index 2022, ocupa a 175ª posição e é o 43.º melhor na região da Europa/Norte de África, sendo assim considerado o mais eficiente porto a nível nacional.

“Destacando-se como a mais eficiente infra-estrutura portuária do País, o Porto de Leixões é o principal porto exportador nacional em carga contentorizada, contribuindo para 7% do emprego em Portugal e 6% do PIB nacional”, refere aquela infra-estrutura portuária em nota de imprensa.

E acrescenta que “através de um ambicioso plano de investimentos, o Porto de Leixões continuará a potenciar uma estratégia de qualificação dos seus equipamentos e estruturas, através dos quais se pretende a valorização dos segmentos de operação, no que diz respeito à carga contentorizada, carga geral e ao serviço ro-ro, continuando a trabalhar para incrementar a sua competitividade nacional e internacional”.

O CPPI – Container Port Performance Index 2022 destina-se a servir de referência para importantes partes interessadas na economia global, incluindo governos nacionais, autoridades e operadores portuários, agências de desenvolvimento, organizações supranacionais, vários interesses marítimos e outras partes interessadas públicas e privadas envolvidas no comércio, logística e abastecimento, explica a mesma nota.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Confagri. Vídeos “As Cooperativas e a Inovação na Agricultura”. Conheça as Organizações de Produtores e a carne de raças autóctones

Partilhar              A Confagri – Confederação Nacional das Cooperativas Agrícolas lançou o projecto “As Cooperativas e a Inovação na …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.