Início / Featured / Polícia Marítima e DGAV devolvem 130 Kg de berbigão à Ria de Aveiro

Polícia Marítima e DGAV devolvem 130 Kg de berbigão à Ria de Aveiro

O Comando-local da Polícia Marítima de Aveiro colaborou, no dia 18 de Agosto, pelas 19 horas, com a DGAV – Direcção-geral de Alimentação e Veterinária, no exercício das suas funções de inspecção na Docapesca, na devolução de cerca de 130 Kg de berbigão ao seu habitat natural, na Ria de Aveiro.

Estes bivalves eram provenientes das capturas efectuadas nas zonas de produção de bivalves – RIAV´S que, entretanto, encerraram por se encontrarem contaminados por toxinas marinhas, logo impróprios para consumo público.

Bivalves contaminados

Explica um comunicado da Autoridade Marítima Nacional (AMN) que a interdição da captura de bivalves, contaminadas por toxinas marinhas, aplica-se ao público, mariscadores profissionais e armadores, independentemente do processo de captura, conforme a orientação diária do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) e da capitania. Relembra ainda que “a ingestão de bivalves contaminados por toxinas marinhas pode causar graves problemas de saúde”.

Pode consultar aqui o edital da capitania sobre a interdição de apanha e captura de espécies bivalves na Ria de Aveiro.

Agricultura e Mar Actual

 
       
   
 

Verifique também

Produtores florestais querem 10% do Fundo Ambiental para mitigação das alterações climáticas

Partilhar              As seis federações de produtores florestais “exigem o reforço, a previsibilidade e a desburocratização do …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.