Início / Agenda / Olivicultores debatem problemas do bagaço de azeitona e baixo preço do azeite

Olivicultores debatem problemas do bagaço de azeitona e baixo preço do azeite

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

As Cooperativas Olivícolas de Trás-os-Montes vão-se reunir, em Macedo de Cavaleiros, para discutir o futuro perante os problemas relacionados com o bagaço de azeitona e a comercialização de azeite com os preços em baixa.

O encontro é organizado pela Fenazeites – Federação Nacional das Cooperativas Agrícolas de Olivicultores, com o apoio da Confagri — Confederação Nacional das Cooperativas Agrícolas, e realiza-se no próximo dia 17 de Janeiro, pelas 10 horas, no Centro Cultural de Macedo de Cavaleiros.

O evento, que conta com o apoio da Cooperativa Agrícola de Macedo de Cavaleiros, tem como objectivo identificar alguns dos problemas mais urgentes do sector olivícola e fazer um levantamento de propostas a apresentar ao Governo.

Azeite de Trás-os-Montes DOP, um património a preservar

Um comunicado conjunto da Fenazeites e da Confagri relembra que o azeite de Trás-os-Montes é um produto de origem portuguesa com Denominação de Origem Protegida (DOP) pela União Europeia desde 1996.

Representando 15% da produção nacional, o azeite de Trás-os-Montes tem um peso económico bastante significativo na região. A qualidade destes azeites é mundialmente reconhecida, as suas características fazem dele um produto único, e os inúmeros prémios conquistados têm aumentado o seu prestígio, sobretudo no mercado internacional.

“Este produto pode contribuir para aumentar as exportações do País, desde que se consiga manter a dinâmica no sector e o empenho dos produtores”, realça o mesmo comunicado.

Programa

O debate contará com a presença de vários profissionais relevantes para este sector e, em particular, neste tema: o presidente da Cooperativa Agrícola de Macedo de Cavaleiros, Luís Rodrigues; o secretário-geral da Confagri, Francisco Silva; o gestor comercial do Azeite de Marca Própria do Grupo Sonae, João Rodrigues, o técnico da Confagri, Domingos Godinho, a investigadora do INIAV – Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária, Cristina Sempiterno e o director industrial da UCASUL – União de Cooperativa Agrícolas, Carlos Martins.

A sessão de encerramento será da responsabilidade da Directora Regional de Agricultura e Pescas do Norte, Carla Alves e do presidente da Fenazeites, Aníbal Martins.

Centro Cultural de Macedo de Cavaleiros

10h00 – Sessão de Abertura
Luís Rodrigues – Presidente da Cooperativa Agrícola de Macedo de Cavaleiros
Francisco Silva – Secretário-Geral da Confagri

10h15 – Estratégias de Comercialização
Moderador: Francisco Silva – Secretário-Geral da Confagri
– O Azeite na Grande Distribuição
João Rodrigues – Sonae – Gestor Comercial do Azeite de Marca Própria
– Internacionalização on-line dos Produtos Cooperativos
Domingos Godinho – Técnico da Confagri

11h30 – Indústrias Extratoras – Valorização dos subprodutos
Moderadora: Patrícia Falcão Duarte – Secretária Geral da Fenazeites
– Unidades Extractoras de Bagaço de Azeitona- O caso da UCASUL
Carlos Martins – Director Industrial da UCASUL
– Valorização do Bagaço de Azeitona
Cristina Sempiterno – Investigadora do INIAV

12h30 – Sessão de Encerramento
Aníbal Martins – Presidente da Fenazeites
Carla Alves – Directora Regional de Agricultura e Pescas do Norte

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

Fungicida Ortiva e herbicida Rifit da Syngenta obtêm autorização excepcional de emergência

Partilhar            A DGAV — Direcção Geral de Alimentação e Veterinária concedeu uma Autorização Excepcional de Emergência …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.