Início / Agricultura / Olivicultores da Beira Baixa explicam as suas preocupações a Nuno Russo

Olivicultores da Beira Baixa explicam as suas preocupações a Nuno Russo

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  • 0
  •  
  •  
  •  
  •  

A ADACB — Associação Distrital dos Agricultores de Castelo Branco e a Confraria do Azeite da Cova da Beira reuniram conjuntamente, dia 18 de Novembro, com Nuno Russo, secretário de Estado da Agricultura e do Desenvolvimento Rural. Defendem a criação de um Grupo de Trabalho para o desenvolvimento do olival tradicional.

Nesta reunião houve a oportunidade de “colocar de viva voz as preocupações dos olivicultores da Beira Baixa e evidenciar a importância da fileira do azeite e da agricultura na economia regional”, refere uma nota de imprensa da Associação.

E acrescenta que “foi consensual que o olival tradicional tem um grande potencial que importa dinamizar de forma a mitigar o despovoamento, melhorar a dieta alimentar da população e combate as alterações climáticas”.

Estas Associações defenderam ainda, junto de Nuno Russo, a “necessidade urgente de mais apoios públicos para o sector propondo a constituição de um Grupo de Trabalho que possa consensualizar propostas concretas para o desenvolvimento do olival tradicional na Beira Baixa”.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  • 0
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

Associação de Proprietários Rurais contra “intenção de acabar com os cercados de caça maior”

Partilhar       0    A Associação Nacional de Proprietários Rurais Gestão Cinegética e Biodiversidade (ANPC) está preocupada com algumas …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.